STTU determina frota acima de 40% durante greve dos rodoviários

Medida visa evitar a superlotação dos veículos da frota em Natal durante este período de pandemia.

Da redação, Prefeitura do Natal,
Seturn
STTU determinou que o Seturn viabilize a circulação de 43% da frota de ônibus da capital durante a greve dos rodoviários.

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) determinou ao Sindicado das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município do Natal (Seturn) que viabilize a circulação de 43% da frota de ônibus da capital, ou seja, 254 veículos durante a greve dos trabalhadores do sistema prevista para a próxima segunda-feira (22/06).

A medida visa evitar a superlotação dos veículos da frota durante este período de pandemia da covid-19, tendo em vista que já foi verificado que 30% da frota circulando – como determina a Lei de Greve – é insuficiente para atender as necessidades da população.

O objetivo é que o transporte público não se torne um vetor de disseminação do vírus e permitindo um deslocamento mais seguro no que se refere as medidas de distanciamento social tanto para os passageiros como para os operadores do sistema. 

A STTU já vinha aumentando a frota operante de acordo com dados levantados pela equipe de fiscalização e recomendada, a época, pelo Promotoria de Defesa do Consumidor para minimizar aglomerações no transporte público.

Seturn

O Sindicado das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município do Natal (Seturn) divulgou uma nota ontem (19), pedindo que o Sindicato dos Trabalhadores e Transportadores Rodoviários do RN (Sintro) retroceda e deixe de realizar a greve do transporte público, programada para a segunda-feira (22).

Segundo o Seturn, "uma paralisação neste momento apenas acelerará a falência do setor, provocando a perda definitiva de todos os empregos e a convulsão do sistema de transporte público municipal. Caso o Sintro não cumpra as diretrizes da Lei de Greve, o Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região deverá aplicar as medidas cabíveis".

Tags: circulação da frota greve dos rodoviários STTU
A+ A-