Rodoviários paralisam atividades a partir das 0h desta terça

Natal só terá 30% da frota de ônibus funcionando por causa da greve.

Allan Dubeux,
Nominuto/Rafael Araújo
Categoria não chegou a um acordo com o Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Natal (Seturn) em reuniões.

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado(Sintro) confirmou a paralisação de 30 % da frota dos ônibus a partir das 0h desta terça-feira (7).

Motoristas e cobradores de ônibus vão suspender suas funções, parcialmente. O indicativo de greve já havia sido deflagrado em duas assembleias realizadas dia 31 de maio.
editaal-m
A categoria não chegou a um acordo com o Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Natal (Seturn) em reuniões realizadas deste o último final de semana.

As reivindicações da classe têm intenção de conseguir 14.28% de reajuste salarial, 9.28% relativo à inflação mais 5% de ganhos reais. Além de garantir que 80% das linhas tenham cobradores, estabelecer valor unificado de R$350 para vale alimentação e o fim do banco de horas.

Prefeitura

A Prefeitura do Natal, por meio da STTU, recebeu na tarde desta segunda-feira (06) a confirmação de greve dos trabalhadores do transporte público urbano. C

Para garantir o direito de ir e vir da população, fica autorizado aos táxis, ao transporte escolar e aos veículos de turismo autorizados pelo DER a realizarem o serviço de lotação. Eles deverão cobrar o valor da passagem inteira, que custa R$ 2,90, e estão dispensados de cobrar meia passagem.

De acordo com nota da prefeitura, a STTU espera que esta situação se resolva o mais breve possível.

Tags: trasporte público
A+ A-