Pesquisa: 96,58% da população quer continuidade da campanha + Gentileza –Acidentes

Ficou matematicamente comprovado o elevado o índice de assimilação da mensagem levada ao público.

Da redação,

+-Gentileza---AcidentesNa mais recente pesquisa de opinião pública realizada entre os dias 14 e 18 de novembro pela empresa Consult, ficou matematicamente comprovado o elevado o índice de assimilação da mensagem levada ao público pela campanha publicitária ‘+Gentileza –Acidentes’.

Criada pela agência de publicidade Executiva Propaganda para o DETRAN, a campanha foi veiculada em todas as regiões do Rio Grande do Norte.

No quesito ‘Se tomou conhecimento e lembra da campanha +Gentileza –Acidentes realizada pelo DETRAN, a alternativa “Sim, tomou conhecimento e lembra da campanha” atingiu o índice de 81.67%, resultado bem acima das expectativas do órgão.

A pesquisa teve como objetivo identificar junto à população de Natal – condutores de veículos, motociclistas, ciclistas e pedestres – conhecimento e lembrança da campanha, o grau de importância das ações educativas no trânsito, se é favorável ou não que esse tipo de campanha seja contínua, se acredita que as ações significaram fator para a redução de acidentes no trânsito e se conseguiu alertar condutores de veículos e pedestres quanto a evitarem acidentes.

Sobre a questão “se é favorável ou não que o novo governo do RN venha a dar continuidade à campanha +Gentileza -Acidentes”, o índice apontou para 96,58% pelo “Sim”, opinião confirmada pelo “Grau de importância que têm as campanhas educativas para o trânsito”, com 97,75% .

Foram obedecidos os quatro critérios de amostragem normalmente adotados na sistemática do processo: amostra casual simples de 1.200 entrevistas, aleatorização com escolha convencional ou por conveniência sobre o público de interesse da pesquisa, estratificação feita sobre as variáveis “tipo do entrevistado”, “sexo”, “idade”, “escolaridade”, “renda familiar” e “área geográfica da cidade”, além de erro amostral (resultados sujeitos ao erro permissível de 2.7% com confiabilidade de 95%).

Tags: detran
A+ A-