Sinpol afirma que vai recorrer da proibição de greve

Em nota, policiais civis e servidores do Itep vão continuar seus movimentos em prol de melhorias para as instituições.

Sinpol,
Assessoria de imprensa
Em nota, policiais civis e servidores do Itep vão continuar seus movimentos em prol de melhorias para as instituições.

Na manhã desta segunda-feira (7), a Diretoria do Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública realizou uma entrevista coletiva para mostrar a imprensa e a sociedade potiguar que, mesmo diante de uma determinação judicial proibindo greve da categoria, antes mesmo dela acontecer, os policiais civis e servidores do Itep vão continuar seus movimentos em prol de melhorias para as instituições.

"Foi com muita tristeza que no último dia 04 recebemos a notificação do Tribunal de Justiça, através do desembargador Cláudio Santos, que decidiu pela manutenção da situação da segurança Pública em nosso Estado, pela ilegalidade de uma greve antes mesmo desta acontecer, autorizar do corte salarial dos trabalhadores e o bloqueio do repasse da entidade; além da criminalização do movimento", afirma.

Em nota, a diretoria informa que vai recorrer da decisão.

Tags: sinpol
A+ A-