Internos da Cadeia Pública de Mossoró recebem atendimento médico e odontológico

Trinta presos foram beneficiados com assistência profissional dentro da unidade prisional.

Da redação,

A Secretaria da Administração Penitenciária (Seap) intensificou os cuidados de saúde na Cadeia Pública Juiz Manoel Onofre de Sousa, em Mossoró. Nesta quarta-feira, dia 13, 30 internos receberam atendimento médico e odontológico nos consultórios da unidade. Celas e ambientes de uso comum foram desinfectados, num procedimento que virou rotina na prevenção e combate ao novo coronavírus (Covid-19) no sistema prisional do Rio Grande do Norte. 

O diretor interino, policial penal Arthur Cavalcanti, explica que além dos ambientes da unidade, foi realizada uma desinfeção nos uniformes dos apenados. “As roupas foram lavadas e as celas desinfectadas com saneantes”, disse. A equipe de saúde prisional, formada por profissionais do município, realizou 10 atendimentos odontológicos e 20 consultas médicas.

Segundo o diretor, servidores e internos estão empenhados na missão de manter a pandemia longe do ambiente prisional. A unidade está isolada desde o dia 13 de março, quando o Governo do Estado, por meio da Seap, decretou a suspensão das visitas de familiares, de advogados, defensores públicos, além dos serviços de natureza religiosa, de capelania e educativa. Um protocolo rigoroso foi elaborado como forma de prevenir o coronavírus.

O protocolo tornou obrigatório o uso de EPIs, higienização dos ambientes de uso comum, viaturas e celas com água sanitária, detergentes e cloro. O horário de banho de sol foi estendido atendendo orientação das equipes de saúde.

Tags: Segurança
A+ A-