Servidores da Saúde denunciam corte de leitos no Hospital Walfredo Gurgel

Além dos 20 leitos de UTI, que ficam no 5º andar da unidade de saúde, mais 38 leitos do terceiro andar serão fechados.

Gerlane Lima,
Fladson Soares/Nominuto
Servidores do Walfredo Gurgel denunciam fechamento de leitos na unidade de saúde e falta de alimentação para funcionários e acompanhantes.

Os servidores da Saúde encaminharam, à imprensa potiguar, denúncia de fechamento de leitos no Hospital Walfredo Gurgel. Segundo a denúncia, além dos 20 leitos de UTI, que ficam no 5º andar da unidade de saúde, mais 38 leitos do terceiro andar serão fechados.

Ainda de acordo com os servidores, a partir desta terça-feira (5) os funcionários e acompanhantes não terão mais direito a alimentação no hospital.

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) confirma o corte de leitos e justifica o problema pela falta de profissionais. Conforme o secretário de Saúde, George Antunes, disse em entrevista ao Jornal 96 na última semana, se faz urgente o processo seletivo para suprir as vagas que estão sendo deixadas por médicos, enfermeiros, auxiliar de enfermagem, ou por aposentadorias ou falecimentos.

“Desde 2010 que o Estado não promove concurso público para a Saúde. A pasta já encaminhou proposta ao Governo para a realização de concurso público, mas como isso demanda mais tempo, urge a necessidade imediata do processo seletivo”, disse George Antunes.

Tags: denúncia leitos Servidores da Saúde Walfredo
A+ A-