Prefeitura de Natal recebe primeiras doações de capacetes de ventilação mecânica não invasiva

Equipamentos são destinados a pacientes com covid-19 e impedem a evolução da doença, evitando a intubação de até 54% dos casos.

Da redação, Prefeitura do Natal,
Donato Fernandes/Secom
Hoje, profissionais da saúde estiveram reunidos no Hospital dos Pescadores, no bairro das Rocas, para conhecer os equipamentos.

SELO-CORONA-100Atendendo o apelo da campanha “Uma Chance Para a Vida”, promovida pela Prefeitura do Natal, várias doações começaram a chegar ao município. O propósito é conseguir com a iniciativa privada doações de capacetes de ventilação mecânica não invasiva (VNI), destinados a pacientes com covid-19, e que impedem a evolução da doença evitando a intubação de até 54% dos casos.

Na tarde desta sexta-feira (16), profissionais da saúde do município estiveram reunidos no Hospital dos Pescadores, no bairro das Rocas, para conhecer os equipamentos que foram doados pela iniciativa privada. Fernanda de Menezes, representante da empresa 7Lives Helmet, fornecedora dos capacetes, apresentou o equipamento aos profissionais, tirou dúvidas sobre o seu correto uso e descarte.

“O 7Lives Helmet é uma interface de ventilação mecânica não invasiva (VNI) que pode ser utilizado associado a um ventilador mecânico, mas também pode ser utilizado apenas com fluxômetros e válvulas de PEEP. Estes capacetes, como são chamados, serão utilizados em pacientes com covid-19 e sua função é a melhora na troca ventilatória acelerando a recuperação do paciente, diminuindo a taxa de intubação” disse Fernanda.

O equipamento é utilizado em apenas um paciente, seja de caso leve ou grave da doença, antes ou depois da intubação. Após o término do tratamento, o mesmo precisa ser descartado imediatamente como resíduo infectante.

Erick Mendonça, Coordenador de Fisioterapia do Hospital dos Pescadores, explicou a utilidade do equipamento. “Basicamente sua função é a melhora de ventilação e recuperação do paciente. O paciente acometido da Covid possui lesão pulmonar e por vezes não consegue naturalmente a troca ventilatória suficiente, então a gente precisa de uma pressão positiva através deste equipamento para não necessitar intubar o paciente”, disse.

O Superintendente do BNB no Rio Grande do Norte - um dos doadores, Thiago Dantas e Silva, disse que o momento é de união. “Vivenciamos um momento em que a união de toda sociedade, agentes públicos e privados, contribuirá para minimizar os efeitos dessa tragédia humanitária. Esperamos que os equipamentos possam contribuir para salvar vidas, devolvendo-as para o seio de seus entes queridos”, afirmou.

A instalação dos capacetes será feita nas Unidades de Pronto Atendimento - UPAs de Natal e nos Hospitais Municipais. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde - SMS, todos esses locais já possuem sistema compatível para receber o equipamento.

As empresas interessadas podem entrar em contato diretamente com a secretária executiva do município, Danielle Mafra, no e-mail: [email protected]. A meta da Prefeitura é conseguir a doação de até 200 capacetes durante a campanha.

Até o momento foram doados ao município 41 kits:

- 21 kits da Fecomércio RN

- 2 kits do Vale do Pará

- 3 kits de funcionários do Banco do Nordeste (Superintendente do BNB no RN, Thiago Dantas e Silva; Gerentes gerais do BNB na capital, Luciano Fabrício Tinoco de Oliveira, Vitor Hernandes Barbosa Pereira e Jeová Lins de Sá)

- 15 doações anônimas

Tags: capacetes de ventilação mecânica covid-19 doações pandemia Prefeitura do Natal Uma Chance Para a Vida
A+ A-