MPF recebe mais de 2.500 reclamações de hospitais

Um site criado em março pela Associação Médica Brasileira mapeou os casos de falhas em hospitais públicos e particulares no país.

Portal da Band,
FD/Saúde
Maior parte das queixas diz respeito à demora dos atendimentos em hospitais e postos de saúde, com 59% das reclamações.

O Ministério Público Federal recebeu ontem (9) mais de duas mil e quinhentas reclamações contra hospitais públicos e particulares pelo país. As principais queixas são a demora no atendimento e a falta de remédios.

Um site criado em março pela Associação Médica Brasileira mapeia os casos de falhas em hospitais públicos e particulares no país. Em dois meses, já foram feitas mais de 2.500 denúncias. Elas ficam registradas no site caixapretadasaude.org.br. Cada uma aparece na tela do computador como uma cruz preta no mapa. São Paulo, seguido por Minas Gerais e Bahia são os estados de onde vem o maior número de queixas.

Ontem um relatório com todas as denúncias já feitas foi entregue ao Ministério Público Federal em Brasília. A ideia é que o órgão comece a investigar os casos.

A maior parte das queixas diz respeito à demora dos atendimentos em hospitais e postos de saúde, com 59% das reclamações. Em seguida vem a falta de medicamentos que deveriam ser distribuídos gratuitamente nos postos de saúde, com 32% das queixas enviadas ao site.

Confira a reportagem do Jornal da Band:

Tags: MPF, hospitais
A+ A-