Fátima garante segunda dose da Coronavac em tratativas com coordenação do PNI

Previsão é que 34.400 doses do imunizante cheguem ao Estado ainda esta semana.

Da redação, Governo do Estado,
Assecom/Governo do RN
Segundo levantamento da Secretaria de Estado da Saúde Pública, há 87.098 potiguares com a segunda dose da vacina em atraso.

SELO-CORONA-100A Governadora Fátima Bezerra em tratativas com a coordenadora do Plano Nacional de Imunização (PNI), garante parte da segunda dose de CoronaVac dos potiguares que estavam com as doses atrasadas. Na pauta de número 19, enviada pelo Ministério da Saúde na tarde desta terça-feira (11), a previsão de chegada ainda esta semana é de 34.400 doses e em seguida serão mais 35 mil.

“Este foi o acordo que fizemos. Um passo muito importante para equalizarmos a situação do atraso da D2. Seguimos na luta. Não sossegarei enquanto todo o povo do Rio Grande do Norte não estiver vacinado”, disse a governadora.

Na sexta-feira, a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap) fez um levantamento e foi constatado que existiam 87.098 potiguares com doses em atraso. Destes casos, 26.353 são por conta de doses não enviadas pelo Ministério da Saúde e por frascos que chegaram ao RN com menos doses do que o indicado. Portanto, o novo lote sequer cobre essas duas situações em específico.

No sábado (8), uma remessa com 15,6 mil doses de CoronaVac, todas indicadas como segunda dose para idosos e membros das forças de segurança, chegaram e foram distribuídas pelo Estado. O número, porém, é insuficiente para cobrir o quantitativo de pessoas que necessitam da segunda dose no Rio Grande do Norte, atendendo apenas 17,9% do total necessário.

Tags: Coronavac Fátima Bezerra Governo do Estado PNI segunda dose tratativas
A+ A-