Com projeção de 11 mil mortes no RN por Covid-19, médico reforça pedido por isolamento

Ricardo Volpe revelou também que número de infectados pode ser 10 vezes maior que as confirmações.

Rafael Araújo,
Reprodução
Médico Ricardo Volpi falou sobre projeções de infectados no RN, número de mortes e necessidade do isolamento social.

SELO-CORONA-100As projeções da Secretaria Estadual de Saúde (Sesap) acerca da propagação do novo coronavírus (Covid-19), que estima um cenário com cerca de 157 mil pessoas infectadas e outro com até 2 milhões, além de 11 mil óbitos pela doença, somente no Rio Grande do Norte, causou grande repercussão nas redes sociais e preocupou a população.

Um dos responsáveis por essa projeção, o médico Ricardo Volpe, concedeu na tarde desta quarta-feira (8), entrevista ao portal Nominuto.com explicando esses dados e falando um pouco mais sobre a pandemia que atinge vários países do mundo.

No primeiro cenário, que aponta cerca de 157 mil infectados no Estado, é levado em consideração o atual cenário de isolamento social no Rio Grande do Norte, com 42% da população confinada, em outro conjuntura, como afrouxamento no confinamento, o número de pessoas atingidas pela doença poderia chegar a 2 milhões.

ENT-H2

“Esperava-se que até 60% das pessoas estivessem no isolamento social, mas não está chegando a 50% aqui. Com isso, aumenta a taxa de transmissão e consequentemente aumenta o número de infectados e de pessoas que vão ter complicações”, lamenta.

Diante dessa situação, o médico reforçou o pedido pelo isolamento social para que o sistema de saúde do Estado possa suportar a demanda por internamentos. “Não tem como tratar essas pessoas com antibióticos, vai ser preciso um respirador e ai nós vamos sobrecarregar os leitos de UTI. Se eu tenho 100 letos de UTI, por exemplo e começo a receber 150 casos graves, não vai ter vaga para todo mundo e ai o sistema vai entrar em colapso”, revelou.

Ricardo Volpe destacou ainda que o sistema de saúde do Estado deve entrar nesta situação de colapso até o dia 27 deste mês.


Confira a entrevista:


AMS

Tags: Coronavírus Covi-19 Médico Ricardo Volpi Rio Grande do Norte
A+ A-