Alexandre Motta diz que PT está atrasado na escolha do candidato em Natal

Médico já se lançou como pré-candidato a prefeito da capital, mas petistas ainda cogitam Natália Bonavides e Jean Paul Prates.

Fátima Elena Albuquerque,
Reprodução/TV
Alexandre Motta colocou o nome à disposição do PT por entender que Natal merece “algo melhor do que tem hoje”.

Apesar de o Partido dos Trabalhadores ainda não ter batido o martelo quanto à escolha do nome que irá disputar a Prefeitura do Natal nas eleições deste ano, o médico Alexandre Motta tem se colocado como opção para o pleito de 2020. A discussão tem sido feita pelo diretório municipal do PT e por membros do partido internamente, mas, na opinião do postulante ao cargo, a legenda já deveria ter oferecido uma alternativa à sociedade.

Durante entrevista nesta sexta-feira (10) ao programa RN Acontece, Alexandre Motta afirmou que haverá uma reunião com membros de outros partidos neste final de semana. “Espero que até o dia 15 de agosto, prazo limite para a desincompatibilização, nós já tenhamos isso bem definido”, afirmou.

Isso porque os servidores e empregados da Administração Pública Direta, Indireta da União, dos Estados, do Distrito Federal, dos Municípios, inclusive das fundações mantidas pelo poder público, que desejarem concorrer a cargo eletivo em eleições devem,  em prazos variáveis, conforme o cargo ocupado, afastar-se do exercício de seu cargo, com vencimentos e vantagens integrais até o dia seguinte ao da eleição.

2

O médico disse ter decidido colocar o nome à disposição do partido por entender que Natal merece “algo melhor do que tem hoje”. “Precisamos avançar na qualidade de vida. Quando coloquei essa possibilidade, em dezembro do ano passado, para o meu partido e para a cidade, eu entendia que naquele momento a gente precisava oferecer uma alternativa diferente, menos festiva, mais eficaz e próxima do cidadão”, destacou.

Hoje, Alexandre Motta acredita que o que a cidade mais precisa é sobreviver à pandemia do novo coronavírus. “Essa é uma questão central. A cidade é hoje o principal polo de sofrimento, dentro do Estado, com essa questão da pandemia e isso, no meu entendimento, não está sendo bem conduzido pela Prefeitura do Natal”, disse. Para o médico, as pessoas precisam ter mais acesso à saúde e criar perspectivas de a economia voltar a funcionar.

Alexandre Motta disse que qualquer que seja a decisão do PT, o apoio da governadora Fátima Bezerra será fundamental. “Ela é a principal liderança política do Estado e também dentro do partido. Toda a discussão passará pelo Governo do Estado”, afirmou o médico. Petistas ainda cogitam o nome da deputada federal Natália Bonavides e do senador Jean Paul Prates para a disputa ao cargo de prefeito de Natal.


Confira a entrevista:


AMS

Tags: Alexandre Motta RN Acontece
A+ A-