Tesouro Nacional aponta melhora da qualidade contábil do Governo do RN

Estado avançou nove posições ficando em 18º lugar, à frente de São Paulo, RJ e Ceará.

Da redação, Governo do Estado,
Fátima Elena Albuquerque
Governo do RN, que tinha ficado em último lugar no ranking com base nos dados de 2018, avançou nove posições ficando em 18º lugar.

A Secretaria do Tesouro Nacional (STN) publicou nesta segunda (19) o Ranking da Qualidade da Informação Contábil e Fiscal, com base nos dados de 2019. O Governo do RN, que tinha ficado em último lugar no ranking com base nos dados de 2018, avançou nove posições ficando em 18º lugar, à frente de estados como São Paulo, Rio de Janeiro e Ceará.
 
“Deveríamos avançar nada menos que 19 posições em apenas um ano e figurarmos na oitava colocação. Mas a STN adotou novos critérios, como ‘gestão da informação” e diminuiu a evolução natural que teríamos. Mas no próximo ranking estaremos entre os dez estados com melhor avaliação”, comentou o secretário estadual de Planejamento e das Finanças, Aldemir Freire.
 
O ranking foi criado para avaliar a consistência da informação que o Tesouro recebe por meio do Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro – Siconfi. A intenção da STN é fomentar a melhoria da qualidade da informação contábil e fiscal que é utilizada tanto pelo Tesouro Nacional quanto pelos diversos usuários dessa informação.
 
“Os novos critérios levaram em consideração fatores como homologação dos demonstrativos, retificações do executivo e de outros poderes que não ficam sob nossa responsabilidade. Ainda assim, iremos buscar essa evolução e nos colocarmos entre os cinco principais estados no quesito melhor avaliação contábil e fiscal do país”, projetou o contador geral do Estado, Flávio Rocha.

O controlador geral do Estado, Pedro Lopes, enfatiza que a evolução da contabilidade do Governo do RN decorreu diretamente do investimento no quadro de pessoal. 

 
“Recebemos o Governo com o serviço de contabilidade quase terceirizado, sem atenção por parte da gestão. A governadora Fátima Bezerra autorizou iniciarmos um diálogo com o Ministério Público de Contas para nomearmos contadores concursados, que foi acatado pelo TCE, e trouxemos um notório especialista em contabilidade pública para gerenciar a equipe, o contador geral do Estado, Flávio Rocha. E em pouco mais de um ano já colhemos resultados”.

O ranking da qualidade da informação contábil e fiscal pode ser acessado no link https://ranking-municipios.tesouro.gov.br/.

Tags: Governo do Estado qualidade contábil ranking RN Secretaria do Tesouro Nacional
A+ A-