Governo assina ordem de serviço de R$ 92 milhões para a instalação de poços no RN

Cerca de 420 mil pessoas das regiões mais remotas do estado vão passar a ter acesso à água diariamente.

Da redação,
Funasa
Até o momento, já foram construídos 572 poços que atendem cerca de 420 mil pessoas das regiões mais remotas do estado diariamente.

Em mais uma ação da Força-tarefa das Águas, foi assinada uma ordem de serviços de R$ 92 milhões, para a construção de poços artesianos e dessalinizadores no Rio Grande do Norte (RN). Serão construídos 1.873 poços e 197 dessalinizadores, em 2022, alcançando 2.070 comunidades. Até o momento, já foram construídos 572 poços apenas nos últimos seis meses.

Cerca de 420 mil pessoas das regiões mais remotas do estado vão passar a ter acesso à água diariamente. Este é mais um esforço da Força-tarefa das Águas, que já garantiu água para mais de 960 mil brasileiros.

Com a formalização do documento, a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) poderá proporcionar a saúde pública e a inclusão social por meio do saneamento e saúde ambiental, garantindo mais dignidade à população e aumentando a qualidade de vida das pessoas atendidas. 

"Já alcançamos 85 mil famílias e, por meio da Força-Tarefa das Águas, estaremos presentes em todos os estados que compõem o semiárido brasileiro. Além disso, destaco, ainda, que a fundação já entregou, nos últimos 12 meses, 364 banheiros, 85 casas, duas cisternas de abastecimento de água, 271 cisternas, 26 projetos de sistemas de abastecimento de água, 20 projetos de sistemas de esgotamento sanitário e 56 planos municipais de saneamento básico", ressaltou o presidente da Funasa, Miguel Marques, sobre a atuação da instituição na Força-Tarefa das Águas.

Tags: Governo Bolsonaro Rio Grande do Norte
A+ A-