Istoé destaca a “Propina de R$ 30 milhões para Renan”

Inquérito da PF revela desvio de R$ 100 milhões nos fundos de pensão Postalis e Petros.

Da redação,

istoe-mIstoé

A revista Istoé traz em sua capa “A Propina de Renan”. Um golpe perpetrado recentemente contra os fundos de pensão Postalis e Petros começa a ser desvendado pela Polícia Federal.

Inquérito sigiloso obtido com exclusividade por ISTOÉ traz os detalhes de um esquema que desviou R$ 100 milhões dos cofres da previdência dos funcionários dos Correios e da Petrobras. Parte do dinheiro, segundo a PF, pode ter irrigado as contas bancárias do presidente do Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL), do senador Lindbergh Farias (PT-RJ) e do deputado federal e ex-ministro de Dilma, Luiz Sérgio (PT-RJ), atualmente relator da CPI do Petrolão.

Prestes a ser enviado ao Supremo Tribunal Federal, devido à citação de autoridades com foro especial, o inquérito traz depoimento de um funcionário do grupo Galileo Educacional, empresa criada pelo grupo criminoso para escoar os recursos dos fundos. Segundo o delator identificado como Reinaldo Souza da Silva, o senador Renan Calheiros teria embolsado R$ 30 milhões da quantia paga, Lindbergh R$ 10 milhões e o deputado Luiz Sérgio, o mesmo valor.

Política

A revista traz ainda uma matéria sobre a presidente Dilma. A indecorosa pressão do governo sobre o Tribunal de Contas da União (TCU) pela aprovação das contas de Dilma Rousseff levou o colegiado do órgão a validar uma novidade que colocará a presidente nas cordas durante pelo menos 30 dias. A corte deu à presidente o prazo de um mês para tentar justificar o injustificável.

Bem Estar

Na última semana, o Food and Drug Administration (FDA) - a agência responsável pela liberação de remédios e alimentos nos Estados Unidos – anunciou uma medida histórica na luta por uma alimentação mais saudável. Por determinação do órgão, dentro de três anos nenhum produto alimentício vendido em território americano poderá conter em sua formulação a gordura trans, uma das maiores vilãs da saúde por elevar o risco para doenças cardiovasculares.

Comportamento

Francisco nunca foi tão Francisco como na encíclica “Laudato si”, apresentada oficialmente na quinta-feira 18 no Vaticano. Abrindo com o “Cântico das Criaturas”, de autoria do santo de Assis, o argentino Jorge Mario Bergoglio construiu um documento contundente, sobre como a devastação do meio ambiente cria relações de exploração e desigualdade.


veja-mVeja

A revista Veja destaca “A Queda do Príncipe dos Empreiteiros ”. Brasil Mais de seis em cada dez brasileiros reprovam Dilma. A presidente Dilma Rousseff quebrou o seu próprio recorde de reprovação e chega ao final do primeiro semestre de seu segundo mandato com a reprovação de 65% dos brasileiros, segundo pesquisa do instituto Datafolha. Essa é a proporção de eleitores que considera o governo da presidente como "ruim" ou "péssimo". A pesquisa foi divulgada pelo site do jornal Folha de S. Paulo.

Economia

Nova fase da Lava Jato mostra lobby de empreiteiras ajudadas por Lula no exterior. Mensagens interceptadas pela Polícia Federal entre executivos da construtora OAS, e que constam do processo contra a Odebrecht e a Andrade Gutierrez, descrevem com detalhes o esquema de lobby e indício de tráfico de influência do ex-presidente Lula em países da África e da América Latina. A 14ª fase da Operação Lava Jato foi deflagrada nesta sexta-feira, resultando na prisão dos executivos Marcelo Odebrecht e Otávio Azevedo.


epoca-mÉpoca

Marcelo Odebrecht ameaça derrubar a República é o destaque da revista Época. Desde que o avançar inexorável das investigações da Lava Jato expôs ao Brasil o desfecho que, cedo ou tarde, certamente viria, o mercurial empresário Emilio Odebrecht, patriarca da família que ergueu a maior empreiteira da América Latina, começou a ter acessos de raiva. Nesses episódios, segundo pessoas próximas do empresário, a raiva – interpretada como ódio por algumas delas – recaía sobre os dois principais líderes do PT: a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidenteLuiz Inácio Lula da Silva. A exemplo dos presidentes da Câmara, Eduardo Cunha, e do Senado, Renan Calheiros, outros dois poderosos alvos dos procuradores e delegados da Lava Jato, Emilio Odebrecht acredita, sem evidências, que o governo do PT está por trás das investigações lideradas pelo procurador-geral da República,Rodrigo Janot.

“Se prenderem o Marcelo (Odebrecht, filho de Emilio e atual presidente da empresa), terão de arrumar mais três celas”, costuma repetir o patriarca, de acordo com esses relatos. “Uma para mim, outra para o Lula e outra ainda para a Dilma.”

Expresso

O escritório de advocacia Hogan Lovells está realizando uma auditoria nos contratos da Eletrobras e suas subsidiárias para verificar se os mesmos se encontram em conformidade com a legislação anticorrupção dos Estados Unidos e do Brasil. Segundo a Eletrobras, o trabalho deve durar seis meses e seu custo dependerá “das demandas da investigação”. A estatal decidiu contratar os serviços do Hogan Lovells depois de sua subsidiária, Eletrobras Eletronuclear, responsável pelo projeto Angra 3, ser citada na delação premiada do ex-presidente da Camargo Corrêa Dalton Avancini, um dos investigados na Operação Lava Jato. O escritório foi contratado sem licitação.

OAS pôs avião à disposição de Lula para viagem ao Chile

A empreiteira OAS pôs um avião à disposição do ex-presidente Lula, em novembro de 2013, para que viajasse ao Chile e fizesse uma palestra em Santiago. Numa mensagem de texto interceptada pela PF, César Uzeda, executivo da empreiteira, comenta com Léo Pinheiro – ex-presidente da empreiteira e amigo de Lula – que seria bom consultar Paulo Okamotto (presidente do Instituto Lula) para saber sobre a conveniência de irem (executivos da OAS) no mesmo avião que seria utilizado por Lula. Na mensagem, Uzeda  ponderava que, se não fosse conveniente, poderiam ir em outro dia.

Ideias

Greves no ensino público, no Brasil, tornaram-se uma não notícia. No dia 3, algumas centenas de ativistas e professores, em um melancólico encontro, no vão do Museu de Arte de São Paulo (Masp), decidiram prosseguir sua greve de quase três meses na rede estadual de ensino. Ela foi encerrada na semana passada. Eles sabem que o movimento não tem adesão nem apoio social. Sabem que muitos alunos terão o ano letivo comprometido. Mas são gente de luta. A certa altura da tarde, conseguiram atrapalhar um pouco o trânsito da Avenida Paulista e se dirigiram à sede da Secretaria de Educação, na Praça da República. Difícil terem encontrado alguém por lá, naquela véspera de feriado.


carta-mCarta Capital

A Carta capital traz em sua capa: O Enigma Lily Safra. Biografia proibida no país revela segredos da reclusa e integrante bilionária brasileira.

"O trânsito do Brasil está matando pessoas e a economia"

Diretor sueco Fredrik Gertten de "Bikes vs Carros", fala das ciclovias e dos problemas de mobilidade das grandes cidades. Boa parte do seu filme foi filmada em São Paulo.

PF mapeia ação do cartel de empreiteiras

Em sua representação ao juiz Sergio Moro na qual solicita as prisões, buscas e apreensões no âmbito na 14ª fase da Lava Jato, o delegado federal Eduardo Mauat da Silva detalha como as maiores empreiteiras do Brasil ratearam as obras da Petrobras entre si de modo cartelizar as licitações bilionárias. Para pedir a prisão de Marcelo Bahia Odebrecht, herdeiro e presidente da empreiteira baiana, e Otavio Marques de Azevedo, da Andrade Gutierrez, o delegado utilizou, entre muitos outros documentos, um relatório cujo conteúdo são comparativos entre tabelas apreendidas na Engevix e o resultado das licitações.


Tags: revistas
A+ A-