Paróquia de Ponta Negra comemora dia de Santa Rita de Cássia

Fiéis poderão ver a imagem da santa circulando pelo bairro e acompanhar missa pela internet.

Rafael Araújo, Com informações do site Catequistas Brasil,
Divulgação
Missas e celebrações em homenagem a Santa Rita de Cássia sofrem alterações por causa da pandemia do coronavírus.

A Igreja Católica comemora nesta sexta-feira (22) o dia de Santa Rita de Cássia. Em meio à pandemia, a Paróquia de Ponta Negra preparou uma programação com transmissão da missa e de uma caminhada com a imagem da santa através das redes sociais (Youtube e Facebook).

A Paróquia de Ponta Negra, assim como as demais igrejas da Arquidiocese de Natal, tem feito adaptações aos eventos de comemoração no intuito de cumprir as normas sanitárias e o distanciamento social para evitar a propagação da covid-19.

“Estamos adaptando toda a programação. A missa será realizada a portas fechadas, mas com transmissão via internet, através das redes sociais da paróquia. Além disso, teremos uma feijoada drive-thru no estacionamento da igreja. Também colocamos a imagem da santa na porta da igreja para que os fiéis possam vê lá sem descer do carro”, destaca o padre Flávio Herculano.

O pároco reforçou a necessidade de seguir o exemplo de Santa Rita de Cássia para atravessar este momento de dificuldades e tirar proveito dele para ficar mais perto dos familiares.

“Diante das incertezas da vida, nós devemos seguir o exemplo de Santa Rita para não perder a esperança e conservar a harmonia dentro de casa em um momento em que estamos mais em família. No corre-corre do cotidiano, muitas vezes não sobra tempo para a família, então temos que aproveitar o momento atual para estar mais com nossos familiares e conservar a esperança”, comenta o padre.

Conheça a história de Santa Rita de Cássia

Nascida em 1381, na vila de Roccaporena, perto de Cássia na Itália, Rita nasceu como um presente de Deus a seus pais que já possuíam idade avançada. Desde jovem, sempre possuiu tamanha admiração pelo convento das Freiras Agostinianas, o visitava com frequência e sempre desejou nele ingressar. Porém, foi prometida em casamento pelos seus pais segundo o costume da época. Rita aceitou a decisão de seus pais e decidiu ver isso como a vontade de Deus para ela.

Logo que se casaram, o Casal concebeu gêmeos. Rita era mãe e dona de casa, enquanto seu esposo Paolo trabalhava como vigia da cidade, seu marido possuía o vício da bebida e com isso ela sofrera muito durante seu casamento. Cássia possuía diversas rivalidades com facções populares e assim, um dia voltando de casa, o marido da Santa foi emboscado e morto. O acontecimento inesperado afligiu o coração de Rita que além de sentir a dor da partida de seu esposo, também havia a preocupação de ter que cuidar sozinha de seus filhos que agora já eram adolescentes e iriam querer vingar a morte de seu pai como era a lei.

Confira abaixo a programação da Paroquia de Ponta Negra

santa-h2

Tags: Religião
A+ A-