Esposa de Disson quer ele longe da Prefeitura

Flávia Lisboa quer que, primeiramente, seu marido fique com a família, antes de tentar reaver o comando da Prefeitura de Goianinha.

Júlio Pinheiro,
Júlio Pinheiro
Flávia Lisboa quer mais tempo com o marido.

Flávia Lisboa, esposa do prefeito afastado de Goianinha, Rudson Lisboa, não quer que o seu marido reassuma a Prefeitura de imediato, para que ele tenha mais tempo para ficar junto à família.

Logo ao retornar a Goianinha, após 40 dias afastado da cidade, Disson, como é conhecido o prefeito afastado, foi recebido com uma grande festa pela população da cidade e de todos os seus familiares que estiveram presentes, inclusive na missa em Ação de Graças pelo retorno do prefeito.

Declarando que continua indignada com as acusações sobre o suposto envolvimento de Disson, como é conhecido o prefeito, no atentado contra Ernani Júnior, Flávia Lisboa disse que espera que o “pesadelo tenha terminado” e que agora quer o marido mais próximo da família.

“Primeiro ele [Disson] vai voltar para casa e relaxar com sua família. Depois, ele pensa no que vai fazer para reassumir a Prefeitura”, declarou Flávia Lisboa.

A+ A-