Emílson Medeiros: “Queremos limpar a pauta até o fim de novembro”

Na presidência da CMN por 12 dias, vereador pretende dar continuidade ao trabalho desenvolvido por Dickson Nasser.

Júlio Pinheiro,
Elpídio Júnior
Emílson Medeiros diz que "não tem o que inventar" em 12 dias na presidência da CMN.
Ocupando interinamente a presidência da Câmara Municipal do Natal, o vereador Emílson Medeiros (PPS) tem a intenção de ter a mesma forma de condução administrativa implementada pelo presidente Dickson Nasser (PSB), que está substituindo o prefeito Carlos Eduardo (PSB) no comando da Prefeitura, em um período total de12 dias.

O líder do PPS na Câmara acredita que não se pode fazer muitas mudanças na administração da CMN em um período tão curto. “Em 12 dias, eu não tenho o que inventar, até por respeito ao administrador”, declarou.

O vereador tem a intenção de conduzir de maneira eficaz o processo administrativo como um todo, colocando em votação os projetos de lei que estão em andamento, para conseguir limpar a pauta até o fim de novembro.

“Hoje, chamei o setor legislativo para fazermos uma análise da quantidade de projetos que estão nas comissões e, após isso, elaborarmos, junto aos vereadores, um cronograma para a votação em plenário, limpando a pauta até o fim de novembro”, explicou Emílson Medeiros.

O projeto, que terá prioridade para a discussão durante a “gestão” de Emílson, é o que trata sobre o orçamento do município para 2008. Segundo o presidente interino da CMN, já estão marcadas duas audiências públicas no âmbito da comissão de Finanças, para que a proposta do Executivo seja analisada junto aos secretários do município.

“Teremos reuniões sobre o orçamento com todas as secretarias e, inclusive, vamos enviar nesta terça-feira (6) ofícios, solicitando as informações que devem ser trazidas para as audiências públicas que vamos promover, sempre acompanhados por membros da Secretaria de Planejamento”, informou.

Outro ponto que Emílson Medeiros disse que terá prioridade em sua passagem pela presidência será a divulgação das atividades desenvolvidas pela Escola do Legislativo Miguel Arraes. O vereador entende que o trabalho da EMA é importante para a formação dos servidores da CMN e para os assessores de vereadores, que têm a oportunidade de participar de cursos de aperfeiçoamento e reciclagem.

“Vamos fazer um levantamento sobre a programação da Escola até o fim do ano e procurar divulgar o trabalho que já foi desenvolvido. Esse é outro ponto que darei prioridade durante minha passagem”, finalizou Emílson Medeiros.
A+ A-