Bolsonaro "tem rabo preso", diz Lula sobre terceira troca na Petrobras

Ex-presidente critica nova troca de comando na estatal e defende mudança na política de preços dos combustíveis por parte do governo.

Da redação,
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Em apenas 40 dias a frente do cargo, José Mauro Ferreira Coelho foi demitido ontem e será substituído por Caio Mário Paes de Andrade.

O pré-candidato à presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), afirmou hoje (24) que o presidente Jair Bolsonaro (PL) "tem o rabo preso" e precisa "ter coragem" para mudar a política de preços da Petrobras.

A declaração foi feita em entrevista à rádio +Brasil News e veio um dia após a nova troca no comando da estatal, a terceira durante o atual governo.

Lula disse ainda que "Bolsonaro precisa parar de falar bobagem, precisa parar de ficar dizendo que tem vontade de dar murro na mesa. Não é trocando o presidente, não. Se a Petrobras é tão importante, assuma ele a presidência da Petrobras. O que ele tem que ter é coragem. Porque, na verdade, o que ele tem é o rabo preso aos preços internacionais".

Em apenas 40 dias a frente do cargo, José Mauro Ferreira Coelho foi demitido ontem (23) e será substituído por Caio Mário Paes de Andrade, secretário de Desburocratização do Ministério da Economia.

A presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann, também teceu críticas sobre a decisão do governo. Nas redes sociais, ela afirmou "Bolsonaro troca comando da Petrobras como se troca de roupa" e disse ainda que se ele tem o poder de demitir, também tem o poder de mudar a política de preços.

Tags: Bolsonaro combustíveis Lula Petrobras política de preços rabo preso
A+ A-