Prefeita do RN decreta luto pelas mortes de irmãos em troca de tiros com a polícia

Irmãos de Damária Jácome foram mortos na terça-feira durante operação da Polícia Civil no interior da Bahia. O grupo é suspeito de envolvimento com tráfico de drogas e com facções criminosas.

Da redação,
Reprodução
Prefeita do município de João Dias, Dámara Jácome, decretou nesta quarta-feira (19), luto oficial de três dias pelas mortes de seus dois irmãos.

A prefeita do município de João Dias, Dámara Jácome, decretou nesta quarta-feira (19) luto oficial de três dias pelas mortes de seus dois irmãos em troca de tiros com a polícia na Bahia. Além disso, a Prefeitura emitiu uma nota de pesar pelo falecimento dos dois.

"Neste momento de dor, a Administração Municipal,se solidariza com os amigos e familiares e expressa as mais sinceras condolências pela grande perda", diz a nota. 

Os dois irmãos da prefeita Damária Jácome foram mortos na terça-feira (19) durante operação da Polícia Civil em Vitória da Conquista, no interior da Bahia. Ação teve como alvos três irmãos da prefeita: Deusamor, Leidjan e Romeu Jácome. Os dois primeiros foram mortos em troca de tiros com os policiais, enquanto o terceiro foi preso.

56216

O grupo é suspeito de envolvimento com tráfico de drogas e com uma das maiores facções criminosas do país. Os três estavam escondidos em uma casa em Vitória da Conquista. Os suspeitos reagiram a ação e Deusamor Jácome e Leidjan Jácome morreram no confronto. Romeu Jácome foi preso. Um outro irmão da prefeita, Samuel Jácome, já estava preso após operação em Sergipe, em julho deste ano, também por suspeita de envolvimento com facção criminosa. 

No ano passado, Damária Jácome, então candidata a vice-prefeita de João Dias, chegou a ficar foragida da Justiça após um mandado de prisão preventiva ter sido expedido pela Justiça contra ela em outubro do ano passado. Damária é suspeita de integrar milícia privada, de receptação e posse ilegal de arma de fogo. Damária segue em liberdade por decisões da Justiça. Em 27 de julho deste ano ela assumiu o posto de prefeita após renúncia do prefeito eleito Marcelo Oliveira.

O pai de Damária, Laete Jácome, foi preso em flagrante no dia 17 de outubro de 2020 por posse ilegal e receptação de armas. Foram encontradas duas espingardas calibre 12 com 100 munições, dois rifles calibre 38 com 103 munições, e três pistolas calibre 380 com 80 munições na casa do vereador, além de R$ 15.535 em dinheiro

Os casos da prefeita e do pai seguem transcorrendo na Justiça do Rio Grande do Norte.

Tags: Damária Jácome irmãos joão dias
A+ A-