Mulher é presa em Natal suspeita de tráfico interestadual de drogas

Ela foi presa por policiais civis no bairro de Neópolis, na Zona Sul da cidade.

Policiais apreenderam três quilos de uma substância similar a cocaína, além de balança de precisão e munições.

Policiais civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) de Natal, com apoio da Polícia Civil de Pernambuco, prenderam em flagrante, nesta sexta-feira (07), Lílian Olímpio Gomes, 30 anos. Ela foi presa no bairro de Neópolis, localizado na Zona Sul de Natal, pela suspeita da prática dos crimes de tráfico de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse irregular de munição de uso permitido.

As diligências foram iniciadas após a deflagração, nesta sexta-feira (07), de uma operação contra o tráfico de drogas interestadual, realizada pela Polícia Civil de Pernambuco, que repassou informações sobre um casal que integrava o grupo criminoso investigado e estaria armazenando entorpecentes e munições em uma residência, no bairro Neópolis, na capital potiguar.

Durante a realização das diligências, os policiais civis apreenderam no local três quilos de uma substância similar a cocaína, uma balança de precisão e 20 munições de calibre .380.  Lílian Olímpio foi conduzida até a delegacia e encaminhada ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

A Polícia Civil de Pernambuco, durante a operação, prendeu os demais integrantes do grupo: Anderson Nunes Azevedo, que é companheiro de Lilian Olímpio, além de Matheus Silva Balbino da Costa, Delmar Ferreira da Silva e Renata de Oliveira de Lira. As prisões aconteceram nas cidades de Abreu e Lima e Igarassú, no Estado de Pernambuco. Com eles, foram encontrados sete quilos de cocaína, uma pistola, uma metralhadora .30 e diversas munições de variados calibres.

Tags: Polícia
A+ A-