Menina de quatro anos morre com bala perdida nas Rocas

Maria Eduarda estava na calçada de casa com a mãe quando teria começado um tiroteio e ela acabou sendo atingida no peito.

Thyago Macedo,
Reprodução/Thyago Macedo
Maria Eduarda, de 4 anos, foi morta com tiro no peito.
Uma criança de apenas quatro anos morreu no fim da tarde deste domingo (29) ao ser vítima de uma bala no bairro das Rocas. Maria Eduarda Sabino estava na calçada de casa com a mãe quando teria começado um tiroteio e ela acabou sendo atingida.

Na manhã desta segunda-feira (30), o corpo da criança está sendo velado na Capela de São Pedro, nas Rocas. Bastante abalada, a mãe de Maria Eduarda,  Andréa Lima Sabino, disse que não sabia de onde veio o tiro que atingiu a filha no peito.

"Nós estavávamos na calçada quando começaram os tiros. Só sei que minha filha foi baleada e morreu", disse. Além de Maria Eduarda, uma outra criança, de 13 anos, que terá o nome perservado, também foi alvejada.

A menina foi atingida na perna direita, mas passa bem. De acordo com o Boletim da Polícia Militar, Maria Eduarda ainda chegou a ser socorrida.



No entanto, o relato da PM é que: "a vítima chegou a óbito no Hospital dos Pescadores. Que as vítimas foram socorridas por populares. Que não houve informações por parte dos moradores sobre o que ocorreu ou quem poderia ter motivos para a prática dos crimes".

Assim como no registro da Polícia Militar, os moradores também não quiseram conversar com a imprensa. Nesta manhã, questionado sobre o crime, a maioria deles alegaram que não viram o que aconteceu e não sabiam dos suspeitos.

Contudo, de acordo com uma fonte do Nominuto.com, o crime pode estar envolto de um mistério e Maria Eduarda pode não ter sido vítima de uma bala perdida. Informações extra-oficiais dão conta que a morte pode ter como motivação uma vingança.

*Atualizada às 9h30 para acréscimo de informações.
A+ A-