Acusados de roubo a Correios acabam mortos em confronto com a Polícia

Polícia investiga a quadrilha há bastante tempo e mesmo com a morte dos três acusados, ainda cogita a participação de outros integrantes.

Tiago Medeiros,
Três acusados de roubar a agência dos Correios do município de Sítio Novo, na manhã de ontem (9), acabaram mortos após confronto com a Polícia Civil, na Zona Rural de Ielmo Marinho.

De acordo com policiais da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (Defur), logo após o roubo, eles iniciaram as diligências no sentido de prender o grupo, que ao ser abordado, atirou contra os policiais. Durante o confronto, José Ricardo Andrade de Lima, o “Pedro Sena”, Francisco Márcio de Oliveira Medeiros, e Valdir Rogério acabaram sendo baleados e até chegaram a serem socorridos, mas não resistiram aos ferimentos.

Com eles, os policiais apreenderam um malote dos Correios contendo seis mil reais, além de duas pistolas, uma calibre .40 e outra .45, ambas de uso restrito e os veículos usados pela quadrilha na fuga - um Pálio preto e outro Honda Civic.

De acordo com delegado titular da Defur, Atanásio Gomes, os três mortos faziam parte de uma quadrilha que vem praticando roubos em várias agências dos Correios do interior, além de em residências e caixas eletrônicos, e são, inclusive, suspeitos de terem praticado a explosão de um caixa eletrônico em São José de Mipibu na semana passada. “Pelo menos outros quatro integrantes do bando estão foragidos”, pontuou o delegado.
A+ A-