Proibição do uso de máscaras em Hong Kong é declarada inconstitucional

Carrie Lam impôs a proibição no mês passado com o objetivo de controlar violentos protestos.

Da redação, Agência Brasil,
Tyrone Siu
Proibição do uso de máscaras no território semiautônomo foi dclarada inconstitucional pelo Tribunal Superior de Justiça de Hong Kong.

O Tribunal Superior de Justiça de Hong Kong declarou inconstitucional a proibição do uso de máscaras no território semiautônomo.

Um grupo de pessoas, incluindo parlamentares pró-democracia, questionou a constitucionalidade da medida em recurso à corte superior. O tribunal decidiu que a proibição é incompatível com a Lei Básica — a constituição acima de toda legislação no território.

A chefe do Executivo, Carrie Lam, impôs a proibição no mês passado com o objetivo de controlar violentos protestos.

A proibição tornou-se, porém, alvo de controvérsias por ter sido imposta nos termos da Portaria de Regulações de Emergência, que autoriza a governante a estabelecer regras sem a necessidade de aprovação no parlamento.

Tags: Hong Kong inconstitucionalidade proibição do uso de máscaras
A+ A-