Japão intensifica medidas para controlar contágio com vírus

Voos diretos entre o Japão e Wuhan ficarão suspensos até março.

Da redação, Agência Brasil,
Brendan McDermid/Reuters
Companhias aéreas e navios de cruzeiro devem distribuir cartão de informações sanitárias aos passageiros provenientes da China.

O ministro dos Transportes do Japão disse que vai intensificar as medidas contra um possível surto deste mais recente tipo de coronavírus. Kazuyoshi Akaba prometeu que um esforço máximo será feito para lidar com o esperado aumento no número de turistas da China durante os feriados do Ano Novo Chinês.

O governo está exigindo que companhias aéreas e navios de cruzeiro distribuam um cartão de informações sanitárias a todos os passageiros provenientes da China. O cartão encaminha passageiros aos funcionários da quarentena caso eles tenham estado em Wuhan, tenham sintomas, ou estejam tomando analgésicos.

Hotéis e outros estabelecimentos do setor serão incentivados a monitorar seus hóspedes e exigir que eles procurem um médico se tiverem sintomas como febre ou tosse.

O ministério dos transportes informou que cinco companhias aéreas chinesas manterão suspensos seus voos diretos entre o Japão e a cidade de Wuhan até março.

Tags: contágio coronavírus Japão medidas de controle
A+ A-