Furacão Krosa atinge costa sudeste da China

Mais de um milhão de pessoas já haviam sido evacuadas da populosa região antes da passagem do furacão Krosa.

BBC Brasil,
Um poderoso furacão com ventos de até 126 km/h atingiu a costa sudeste da China neste domingo (7), de acordo com a mídia estatal chinesa.
 
Mais de um milhão de pessoas já haviam sido evacuadas da populosa região antes da passagem do furacão Krosa, que atingiu o território chinês na fronteira entre as províncias de Zhejiang e Fujian.

A província de Fujian divulgou alertas sobre a possibilidade de deslizamentos de lama e pedras e a previsão ainda é de fortes ventos, tempestades e marés altas.

Cerca de 27 mil barcos de pesca foram chamados de volta à terra firme e as férias de trabalhadores de emergência foram canceladas.

Destruição
Em Xangai, onde acontecem as Olimpíadas Especiais, todos os funcionários da área de prevenção de enchentes estão de plantão como prevenção para o caso de o furacão seguir para a cidade.

O Krosa é o 16° furacão a atingir a China neste ano, de acordo com a agência de notícias estatal Xinhua.

Antes de chegar ao país, o furacão causou destruição e mortes no norte da ilha de Taiwan.

Pelo menos cinco pessoas morreram e mais de 52 ficaram feridas em acidentes relacionados com as chuvas e os ventos.

Em alguns locais, foi registrado mais de um metro de chuva e os ventos chegaram a mais de 185 km/h.

O furacão deixou também mais de meio milhão de casas sem energia.

No Vietnã, a passagem de um outro furacão, o Lekima, matou pelo menos 40 pessoas durante a semana.

O prejuízo causado pelo tufão no país pode passar dos US$ 40 milhões (cerca de R$ 72 milhões).
A+ A-