Biden revoga proibição que impedia entrada de candidatos ao green card

Medida havia sido imposta por Trump no ano passado como resposta ao desemprego causado pela pandemia de coronavírus.

Da redação, Estadão Conteúdo,
AFP
Presidente dos EUA, Joe Biden, foi pressionado para suspender a proibição do visto, que deveria expirar em 31 de março.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, revogou nessa quarta-feira (24) uma proibição de Trump que impedia que muitos candidatos ao green card entrassem nos Estados Unidos.  

O ex-presidente Donald Trump emitiu a proibição no ano passado, dizendo que a medida era necessária para proteger os trabalhadores americanos em meio ao alto desemprego devido à pandemia do coronavírus.

Ao revogar a proibição, Biden afirmou que a medida impediu famílias de se reunirem nos Estados Unidos e prejudicou as empresas americanas.

Biden foi pressionado para suspender a proibição do visto, que deveria expirar em 31 de março. O democrata, no entanto, manteu uma proibição que afeta a maioria dos trabalhadores temporários estrangeiros.

O presidente americano prometeu reverter muitas das políticas de imigração linha-dura estabelecidas por Trump. Na semana passada, democratas apresentaram ao Congresso a proposta do governo para a imigração, um pacote que inclui planos para regularizar a situação de cerca de 11 milhões de imigrantes que vivem nos Estados Unidos sem documentos e a expansão de vistos de trabalho para o país.

Tags: EUA green card Joe Biden
A+ A-