Atentado suicida em Cabul deixa '10 vítimas'

Segundo um porta-voz do Ministério do Interior, o número de vítimas pode ser maior.

BBC Brasil,
Pelo menos 10 pessoas "foram mortas ou ficaram feridas" em um ataque suicida realizado na manhã desta terça-feira (2) na capital do Afeganistão, Cabul, contra um ônibus que levava policiais, informou o governo local. Segundo um porta-voz do Ministério do Interior, o número de vítimas pode ser maior.

De acordo com o porta-voz, o homem-bomba tentou embarcar no ônibus em uma das paradas, mas policiais que sentavam em um banco da frente suspeitaram de seu "comportamento estranho" e impediram que ele entrasse no veículo.

Um policial atirou no homem. Ferido, o suicida detonou os explosivos.

Ataques
Este é o terceiro atentado suicida contra forças de segurança afegãs em Cabul desde junho.

No sábado (29), o ataque de um homem-bomba a um ônibus lotado de soldados deixou cerca de 30 mortos. Esse atentado foi reivindicado pelo Talebã.

Em junho, 35 pessoas morreram em um ataque suicida a um ônibus da polícia, no que foi considerado o pior atentado realizado em Cabul desde a queda do regime do Talebã, em 2001.

Ao comentar o atentado desta terça-feira, o presidente afegão, Hamid Karzai, disse que gostaria de perguntar aos líderes insurgentes por que eles estão tentando destruir o país.

Somente neste ano, calcula-se que mais de 3 mil pessoas tenham sido mortas no Afeganistão.
A+ A-