Ataque a tiros em escola de Arlington, no Texas, deixa ao menos 4 feridos; suspeito está foragido

Polícia confirmou identidade do jovem, mas não disse se ele estuda no colégio; motivação do crime está sendo investigada.

Da redação, Estadão Conteúdo ,

texas_escola_370Um colégio no Texas, nos Estados Unidos, foi fechado e a região isolada nesta quarta-feira (6) após um ataque a tiros no local. Segundo as autoridades, ao menos quatro pessoas foram feridas no Colégio Timberview.

O suspeito foi identificado como Timothy Simpkins, de 18 anos, e continua foragido. A polícia, que acredita que ele tenha agido sozinho, mas não confirmou se ele é etudante do colégio, divulgou sua foto e a placa do carro que ele pode estar usando para fugir. 

O departamento de polícia de Arlington informou que os alunos e funcionários da escola ficaram trancados nas salas de aula e agora estão sendo liberados aos poucos. Três dos feridos foram levados a hospitais. 

Vídeos que circulam nas redes sociais, mas não tiveram a veracidade confirmada, mostram alunos assustados no colégio após o barulho de tiros. Outro vídeo postado como “briga que levou ao tiroteio” mostra dois alunos brigando. A polícia pede que os vídeos sejam enviados às autoridades para averiguação e cofnirma que houve uma briga antes do tiroteio.

Parentes dos alunos foram orientados a esperar em um centro de artes, perto do colégio, onde receberão as informações e para onde os alunos estão sendo levados em ônibus escolares, escoltados por carros policiais.

A polícia pediu ainda que a população da região fique em casa e não abra a porta para ninguém porque o atirador ainda está solto. / AP

Tags: escola Texas tiros
A+ A-