Francisco do PT destaca possibilidade de congelamento do piso salarial dos professores

Deputado estadual fez o alerta durante a sessão ordinária da Assembleia Legislativa.

Da redação, Assembleia Legislativa,
Reprodução
Francisco do PT falou sobre a tentativa de modificação do mecanismo de reajuste do piso salarial dos professores do País.

O deputado estadual Francisco do PT falou com preocupação, na sessão ordinária por Sistema de Deliberação Remota (SDR) da Assembleia Legislativa, que aconteceu nesta terça-feira (4), sobre a tentativa de modificação do mecanismo de reajuste do piso salarial dos professores do País.

“Hoje é dia de luta, a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), junto com outros segmentos da educação no Brasil, está promovendo uma movimentação virtual, um twitaço, cuja hastag é ‘valorize o piso do Magistério’, informou.

De acordo com o parlamentar, a intenção é que seja retirado de pauta o recurso ao Projeto de Lei (PL) 3776/2008, que institui o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) como índice de reajuste do Piso Nacional do Magistério, e congela o piso salarial dos professores.

“O piso salarial é uma conquista importante para valorização da categoria e há um mecanismo que garante a correção salarial. Essa mudança pode ser danosa para os profissionais. Atualmente, o piso da Educação Básica é de aproximadamente R$ 2.700 e chegará a R$ 3.031 no final do ano. Mas, com o INPC, esse piso, que chegará a R$ 3.031 no fim do ano, seria de cerca de R$ 1.586 reais, portanto uma redução drástica. A nossa luta é que para que não haja retrocesso.”, complementou.

Tags: congelamento Francisco do PT piso salarial dos professores
A+ A-