Ezequiel Ferreira anuncia redução no limite prudencial e convocação de concursados

A Assembleia reduziu o índice de 2,34 para 2,24, abaixo do limite prudencial que é de 2,26.

Da redação,

rEm pronunciamento, nesta terça-feira (7), o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), anunciou que a Assembleia conseguiu uma grande vitória nessa gestão: “Estamos abaixo do Limite Prudencial estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal. Isto permitirá a convocação dos concursados. Reduzimos o índice de 2,34 para 2,24, abaixo do limite prudencial que é de 2,26. Sem dúvida uma grande vitória da atual gestão e do conjunto dos deputados que definiram como meta no Planejamento Estratégico a economicidade na gestão, transparência nas ações e qualificação dos servidores”, disse o presidente em seu discurso.

Ezequiel Ferreira fez a manifestação na primeira sessão ordinária deste ano deixando clara a convicção de que a Casa cumprirá o seu papel da mesma forma que cumpriu no ano passado, debatendo e aprovando projetos de interesse da população do Estado, com trabalhos marcados pelo entendimento.

“Apesar da diversidade de pontos de vista, aqui representados pelas mais diversas correntes políticas e ideológicas, em 2016 conseguimos caminhar para um denominador comum, o entendimento. Cumprimos com o nosso dever de homens públicos, ao colocar o interesse da população potiguar sempre em primeiro lugar”, afirmou Ezequiel Ferreira.

O presidente da Assembleia ressaltou que o entendimento obtido está simbolizado no avanço da gestão da Casa, compromisso assumido para que o Legislativo tenha credibilidade e seja respeitado pela população.

“Continuaremos a trilhar este caminho, pois, só assim, estaremos em consonância com aqueles que nos trouxeram aqui para realizarmos um trabalho profícuo em prol do nosso Estado. Temos muitos desafios pela frente, mas esta Casa nunca se negou a enfrenta-los. Continuaremos priorizando as questões mais críticas que afetam o Rio Grande do Norte no momento, como a Segurança, a Saúde e a insuficiência hídrica. Além disso, daremos continuidade ao nosso Planejamento Estratégico”, disse.

Ezequiel destacou em sua mensagem ao plenário, que não é de agora que a Assembleia Legislativa vem discutindo e oferecendo ações para contribuir com a melhoria da Segurança potiguar. Lembrou que o Legislativo auxiliou o Estado no enfrentamento da crise no sistema de segurança ao votar projetos de leis que permitem ao Executivo adotar medidas mais enérgicas.

O presidente do Legislativo ressaltou que “diversas ações foram tomadas nos últimos dias, em autoconvocação para colaborar com o combate à crise no Rio Grande do Norte. Entre os projetos, estão a doação de 50 viaturas, custeadas por esta Casa Legislativa, às secretarias de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social e de Justiça e Cidadania”.

Ele ressaltou que, além disso, foi aprovada pela Assembleia a convocação excepcional de servidores estaduais inativos, no âmbito da Segurança Pública, para reforço do policiamento no Estado; a contratação temporária de professores substitutos para centros voltados a jovens infratores e formalizada a Comissão Especial de Segurança para acompanhar as ações de combate à crise no sistema penitenciário do Estado.

“Vivemos um tempo difícil do ponto de vista econômico. Por isso mesmo, tem sido relevante e essencial o apoio de todos os 24 deputados ao Planejamento Estratégico, centrado em medidas de economicidade e transparência”, asseverou o presidente da Casa.

Ao final do seu pronunciamento, ressaltou que a sua gestão assumiu o compromisso de fortalecer a Escola da Assembleia, fazendo dela referência em qualidade de ensino para a população. “Os avanços da instituição a cada novo semestre se refletem na quantidade de novos cursos oferecidos e de pessoas atendidas. A Escola da Assembleia é modelo para todo o Brasil, tendo sido a primeira a oferecer um curso de mestrado profissional entre as casas legislativas do País”, finalizou.

Tags: Ezequiel
A+ A-