Bolsonaro recorre de decisão de Toffoli e pede que notícia-crime contra Moraes vá à PGR

Presidente alegou suposto abuso de autoridade por parte do ministro Alexandre de Moraes.

Da redação,
Tânia Rego/Agência Brasil
efesa de Bolsonaro quer que Toffoli reconsidere a decisão e argumenta que o pedido de investigação deveria ter sido encaminhado à PGR.

O presidente Jair Bolsonaro recorreu hoje (24) da decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, que rejeitou o pedido de investigação contra o ministro Alexandre de Moraes.

O pedido, apresentado por Bolsonaro no dia 17 deste mês, alegava suposto abuso de autoridade de Moraes em decisões no chamado inquérito das fake news.

Relator do caso, Toffoli entendeu que não há crime na conduta do ministro e rejeitou o pedido de Bolsonaro.

No recurso apresentado ao STF, a defesa de Bolsonaro quer que Toffoli reconsidere a decisão e argumenta que o pedido de investigação deveria ter sido encaminhado à Procuradoria Geral da República em vez de ter sido imediatamente arquivado.

A defesa do presidente pede também para que, caso a decisão não seja revista, que o recurso seja levado ao plenário do STF para que todos os ministros se manifestem sobre o assunto.

Tags: alexandre de moraes defesa de bolsonaro Dias Toffoli Jair Bolsonaro PGR recorre STF
A+ A-