CBF decreta que jogos deste domingo terão um minuto de silêncio

Homenagem será ao ex-lateral da Seleção, Marinho Chagas que morreu neste domingo.

Kyberli Gois,

O site oficial da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) destacou o falecimento do ex-lateral esquerdo da Seleção Brasileira de futebol 74, o potiguar Marinho Chagas na madrugada deste domingo (1).

O presidente da CBF, José Maria Marin, lamentou a morte “daquele que foi um grande jogador, a quem admirava pelas atuações na Seleção Brasileira”, além de manifestar os pêsames à família.

Em virtude da perda, a CBF prestará uma homenagem ao desportista com um minuto de silêncio nos jogos deste domingo (1) do Campeonato Brasileiro.

Marinho passou mal durante um evento em João Pessoa no último sábado (31) para lançar a réplica da camisa que ele usou na Copa de 1974. O ex-jogador foi diagnosticado com uma hemorragia digestiva, estava internado no Hospital de Trauma Humberto Lucena e não resistiu.

O jogador também teve passagens por Riachuelo, ABC, América, Náutico, Botafogo, São Paulo, Fluminense e Cosmos, dos Estados Unidos. Ele foi treinador do Alecrim.

O corpo do ex-jogador Marinho Chagas, será velado s 14h e o velório está previsto para as 16h, no módulo B portão 1, no Frasqueirão, estádio do ABC, informou a Federação Norte-Rio-Grandense de Futebol.

O enterro será amanhã (2) em horário a ser definido pela família. O Grupo Vila doou o jazigo no cemitério Morada da Paz, em Emaús.

Tags: cbf futebol marinhochagas
A+ A-