Grizzlies batem o Thunder e aplicam a maior lavada da história da NBA

Atualmente o Grizzlies ocupam a quarta posição na Conferência Oeste e buscam manter uma boa sequência para garantir sua vaga nos play-offs.

Da redação,
Divulgação
Esses 73 pontos de vantagem na vitória do Grizzlies superam por pouco o recorde anterior, que pertencia aos Cleveland Cavaliers.

O Oklahoma City Thunder acabou sendo atropelado pelo Memphis Grizzlies por 152 a 79, sendo esta a maior “goleada” já registrada em uma partida válida pela NBA. Esses 73 pontos de vantagem na vitória do Grizzlies superam por pouco o recorde anterior, que pertencia aos Cleveland Cavaliers em um triunfo sobre o Miami Heat por 148 a 80, em dezembro de 1991.

A partida foi disputada no FedEx Forum de Memphis, e ambas as equipes estavam com desfalques importantes, o Thunder sem Shai Gilgeus-Alezander e o Grizzlies sem Ja Morant. Com isso, Jaren Jackson Jr comandou o triunfo do Memphis Grizzlies, marcando 27 pontos, com seis cestas de três em somente 20 minutos em quadra. Ele foi seguido de perto na pontuação por De’Anthony Melton, que anotou 19 pontos, e por Santi Aldama, com 18. 

Atualmente o Grizzlies ocupam a quarta posição na Conferência Oeste e buscam manter uma boa sequência para garantir sua vaga nos play-offs. Sendo que a fase final da competição só tem seu início em 16 de abril, mas até lá os amantes do basquete podem aproveitar as promoções disponibilizadas pela casa de apostas online para realizarem seus palpites nos jogos da NBA. Sendo que o sitedeapostasonline.net apresenta aos usuários uma lista com os prós e contras das principais plataformas de palpites atuantes no Brasil, selecionando bônus e promoções mais benéficas aos apostadores. 


Jogo mais eletrizante da rodada


O Atlanta Hawks e o Charlotte Hornets realizaram a melhor partida da rodada da NBA. Os visitantes saíram com a vitória, mas todo o jogo foi bastante equilibrado, acabando em 130 a 127 para os Hornets.

A proximidade do placar reflete perfeitamente a disputa vista dentro de quadra. No primeiro quarto, as equipes terminaram empatadas. Já no segundo, os Hornets desbancaram os adversários por 38 a 31. No terceiro quarto, mais uma vez o jogo ficou empatado, e no último os Hawks venceram por 35 a 31. 

Os Hornets tiveram uma grande ajuda de Miles Bridges, que sem dúvidas foi o responsável pelo triunfo do time da Carolina do Norte. O camisa 0 anotou 32 pontos e foi o cestinha do jogo. Além dele, Kelly Oubre marcou 28 pontos e Gordon Hayward e Ismael Smith 18 cada um, sendo determinantes para o resultado positivo dos Hornets. Pelos Hawks, o destaque vai para Trae Young, que anotou um duplo-duplo, com 25 pontos e 15 assistências. 


Stephen Curry continua liderando os Warriors


A boa fase do Golden State Warriors parece interminável e a equipe sempre é favorita ao título da NBA. E muito disso passa pelas mãos habilidosas de Stephen Curry. Quando o camisa 30 está inspirado, dificilmente a equipe perde uma partida. Com isso, o Golden State Warrior na sexta-feira (3) pôs fim a sequência de 18 vitórias consecutivas do Phoenix Suns, com um triunfo bem convincente de 118 a 96.

O armador converteu seis bolas de 3 e deu cinco assistências, contabilizando 23 pontos. Mas além dele, outro destaque dos Warriors foi Draymond Green, que como de costume comandou a defesa da equipe, dando 3 tocos e 6 roubos de bola, além disso marcou 9 pontos, conseguiu 9 rebotes e deu 9 assistências. 

Já no domingo (5), mais uma vez Curry brilhou, sendo o cestinha da partida com 27 pontos, ajudando o Warriors a tirar uma diferença de 22 pontos que os San Antonio Spurs haviam aberto. Contudo, ainda assim, os Warriors foram derrotados por 112 a 107. Apesar do revés, os Warriors continuam liderando a Conferência Leste, somando 19 triunfos e apenas 4 derrotas.

Tags: basquete Esporte nba
A+ A-