Após caso de injúria racial e derrota para o Flamengo, Bahia demite Mano Menezes

Técnico acusou Gerson de 'malandragem' quando meia adversário disse ter sofrido ofensa racista de Ramirez, atacante do time tricolor.

Da redação, Estadão Conteúdo,
Felipe Oliveira/ EC Bahia
No cargo desde 9 de setembro, o treinador Mano Menezes foi demitido do Bahia neste domingo, após jogo contra o Flamengo.

A derrota do Bahia para o Flamengo, neste domingo (20), por 4 a 3, no Maracanã, em duelo válido pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, culminou com a demissão do técnico Mano Menezes. A equipe soma cinco derrotas seguidas e sete jogos sem vitória. Na partida, ainda houve uma denúncia do meia Gerson do Flamengo, de que teria sofrido racismo do atacante colombiano Ramirez, do Bahia.

Os microfones de televisão captaram Mano Menezes discutindo com Gerson e acusando o atleta flamenguista de estar com 'malandragem'. A discussão seguiu por alguns minutos na beira do campo. Além da demissão de Mano Menezes, o Bahia disse estar apurando a atitude de Ramirez e que se posicionará após ter a certeza do que ocorreu.

No cargo desde 9 de setembro, o treinador também acumulou o fracasso de ter sido eliminado na quarta-feira passada pelo Defensa Y Justicia nas quartas de final da Copa Sul-Americana, após duas derrotas para o time argentino.Mano dirigiu o Bahia em 24 jogos, conquistando oito vitórias, dois empates e 14 derrotas, com 36% de aproveitamento. Foram 29 gols marcados e 37 sofridos.

Por coincidência, acontece com Mano o mesmo que ocorreu com Roger Machado, também demitido após uma derrota para o Flamengo no primeiro turno no Brasileiro deste ano, em 2 de setembro, por 5 a 3, em Pituaçu.

Tags: Bahia demissão Mano Menezes
A+ A-