Getúlio Marques descarta retorno às aulas nas escolas privadas em 15 de setembro

Secretário estadual de Educação disse que entende pleito de instituições, mas não pode garantir retomada no momento.

Rafael Araújo,
Reprodução
Secretário de Educação do Estado, Getúlio Marques, concedeu entrevista para o Jornal 96 nesta quarta-feira.

O secretário de Educação do Estado, Getúlio Marques, descartou um possível retorno às aulas presenciais nas escolas privadas até o dia 15 de setembro, como quer a categoria. Segundo o gestor, o Governo entende a preocupação das instituições, mas não tem como garantir a retomada no momento. A informação foi confirmada durante entrevista para o Jornal 96, nesta quarta-feira (9).

“Não tem como isso ocorrer, até porque nós temos um decreto em vigor que suspende as aulas em todo o estado até o dia 18 deste mês. O que se tem é a perspectiva de poder autorizar a retomada dessas instituições a partir do dia 5 de outubro, mas antes disso é improvável”, comentou o secretário.

Apesar da expectativa de retorno das escolas privadas, o Governo do Estado confirmou que as instituições estaduais só irão voltar a partir de 2021. “Essa decisão foi tomada pela governadora porque levou em consideração a orientação do comitê científico e, além disso, a frustração de receita de mais de R$ 31 milhões na educação estadual por causa do Fundeb e as pesquisas de opinião acerca do tema – que mostram que a população não concorda com o retorno neste momento por causa da pandemia”, comentou.


Confira o vídeo:


Tags: Educação
A+ A-