Natal retoma aulas presenciais para estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental

Atividades haviam sido interrompidas presencialmente em decorrência da pandemia do novo coronavírus.

Da redação, Prefeitura do Natal,
SME

A Rede Municipal de Ensino de Natal retomou na manhã desta quarta-feira (4), as aulas presenciais para os estudantes das escolas de anos iniciais do Ensino Fundamental (1º ao 5° ano), seguindo o cronograma do Protocolo para Retorno Presencial das Atividades Escolares que foi construído com vários atores que compõem a educação pública de Natal. As atividades foram interrompidas presencialmente em decorrência da pandemia do novo coronavírus.  

As escolas municipais que já estão preparadas para o retorno e aptas a cumprir todos os protocolos de biossegurança, com kits de higiene, totens de álcool em gel, lavatórios móveis e demarcação dos espaços para que seja cumprido o distanciamento, funcionarão com 30% de sua capacidade.  

A Escola Municipal Professor Laércio Fernandes, por exemplo, que atende 752 alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental, dividiu as turmas em três grupos e cores (azul, amarelo e laranja), onde em cada semana um grupo irá frequentar a escola.  

A secretária de Educação de Natal, Cristina Diniz, que visitou a Escola Municipal Professor Laércio Fernandes, ressaltou: “nesta quarta-feira não estão retornando todos os alunos, apenas 30% deles, como dita o protocolo que foi feito com base nas medidas de segurança. É um protocolo que requer muito cuidado, pois ainda estamos enfrentando uma pandemia, não podemos esquecer disso, nem das medidas de proteção, do uso de álcool em gel, da lavagem de mãos, e do distanciamento social. No Laércio, por exemplo, apenas 250 alunos frequentarão a escola a cada semana, ou seja, cada aluno frequentará o ambiente escolar mais ou menos uma semana ao mês”.

O retorno das aulas presenciais no turno matutino na Escola Municipal Ascendino de Almeida, localizado no bairro Pitimbu, ocorreu com 87 alunos, sendo uma média de 30% dos estudantes por turma. A entrega dos kits de higiene ocorreu no intervalo das aulas para evitar aglomerações e através de uma lista nominal dos estudantes. O intervalo para o lanche ficou limitado neste primeiro momento apenas à sala de aula para evitar contatos com os outros alunos.  

A diretora pedagógica Mintza Idesis Jácome Bezerra, da E. M. Ascendino de Almeida, explicou que “neste primeiro dia temos a expectativa de receber 115 alunos, de um total de 700 estudantes. Era um desejo grande da comunidade para o retorno das aulas presenciais. Esperamos que aos poucos as atividades sejam normalizadas e que essa nova rotina seja executada e assimilada tanto pela equipe docente, como pela comunidade escolar. Os alunos estão cientes do protocolo e da divisão de grupos e amanhã teremos uma reunião com os pais. No recreio, a rádio escolar também vai todo dia passando as informações didaticamente aos alunos, porque é uma construção nova que precisa ser lembrada, e assim reforçando os cuidados e essa nova rotina que hoje está se implementando na escola”.  

A aluna Hadassa Alves dos Santos Leite, de 11 anos, da turma do 5º ano “A” da Ascendino de Almeida, disse: "espero que volte tudo ao normal o mais rápido possível e que em pouco tempo possamos estar sem máscaras. Espero ainda, que os alunos venham também, a aprender mais nesse retorno às aulas presenciais e que respeitem os protocolos para poder continuar nesta volta ao normal”.  

“Vamos trabalhar com os alunos divididos em grupos. Uma semana, o aluno participa das aulas presenciais e na outra, recebe as atividades nos grupos de WhatsApp. Lembrando que os conteúdos já foram selecionados, de acordo com o currículo baseado na BNCC.  Selecionamos os conteúdos mais significativos para trabalhar com os estudantes”, afirmou a professora Núbia Maria Pires Teixeira.

Tags: aulas presenciais Prefeitura do Natal rede municipal de ensino
A+ A-