MEC reduz corte de orçamento de universidades e “devolve” R$ 1,6 bi

Antes, Educação havia anunciado um bloqueio de 14,5% no orçamento de cada instituição; agora, serão 7,2%.

Da redação, Metrópoles,
Marcelo Camargo / Agência Brasil
Em nota, o Ministério da Educação afirma que a redução do valor bloqueado ocorrerá ainda hoje.

O Ministério da Educação (MEC) comunicou hoje (6) aos reitores de instituições federais de ensino superior, a redução de 14,5% para 7,2%, do corte realizado pelo governo federal no orçamento destinado a custeio e investimento. Na prática, o valor cortado cairá de R$ 3,2 bilhões para R$ 1,6 bilhão.

Em nota, a pasta afirma que a redução do valor bloqueado ocorrerá ainda hoje.

O ministério conclui a mensagem prometendo permanecer em “constante diálogo com a equipe econômica do governo” para tentar destravar e desbloquear o montante.

Os reitores devem insistir na recomposição total do orçamento, sob a alegação de que os valores já estavam extremamente reduzidos.

Em 27 de maio, o MEC havia anunciado o bloqueio de R$ 3,23 bilhões no seu orçamento. Se implementada, a medida significaria uma diminuição de 14,5% no repasse de verba para cada unidade federal de educação.

As instituições federais de ensino alertaram que precisarão cortar gastos com pesquisas científicas, projetos de extensão, manutenção e assistência estudantil para alunos de baixa renda.

A medida ocorre enquanto o governo se prepara para conseguir bancar reajuste linear de 5% para todo o funcionalismo público. O bloqueio total no Orçamento da União deve ficar próximo de R$ 14 bilhões.

Tags: corte instituições federais MEC orçamento pesquisa universidades públicas
A+ A-