IMD abre 790 novas vagas para cursos técnicos em TI

Oportunidade de formação gratuita é voltada para estudantes do Ensino Médio da rede pública do RN.

Da redação,
Ascom/IMD
Metrópole Digital é um instituto do Ministério da Ciência e Tecnologia em parceria com o Governo do Estado do Rio Grande do Norte.

O Instituto Metrópole Digital, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (IMD), lançou  edital com a oferta de 790 novas vagas para seus Cursos Técnicos em Tecnologia da Informação. A oportunidade de formação gratuita é voltada para estudantes do Ensino Médio da rede pública do RN.

Abertas a partir de amanhã (8), as inscrições para o processo seletivo são efetuadas on-line e sem pagamento de taxa por meio do site da Comperve. As vagas são para as cidades de Natal, Angicos, Caicó, Mossoró e Pau dos Ferros.

Os alunos selecionados atuarão em cinco áreas diferentes de conhecimento: Automação Industrial, Eletrônica, Programação de Jogos Digitais, Informática para Internet e Redes de Computadores.

Segundo o Edital nº 011/2022, do total de 790 vagas, são reservadas 550 para Natal e 60 para cada um dos outros municípios. A seleção terá resultado final divulgado no dia 21 de julho, não sendo necessário que o candidato esteja matriculado em algum programa de ensino da UFRN.

Nas cidades do interior do estado, as aulas acontecerão exclusivamente à noite, em parceria com a Universidade Federal Rural do Semiárido (Ufersa) e com o Centro de Ensino Superior do Seridó (Ceres). Já em Natal, as atividades acontecerão em turmas dos períodos matutino, vespertino e noturno.

Cursos técnicos

Durante todo o curso técnico, os alunos são acompanhados por profissionais do IMD, responsáveis por conduzir atividades pedagógicas e oferecer conteúdo de maneira flexível e direcionada, tanto on-line como presencial.

Segundo o coordenador dos cursos Marcel Oliveira, uma das principais portas de entrada no IMD é a formação técnica.

Financiados pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) do Ministério da Educação (MEC), os cursos contam com uma grade curricular com carga horária variável, entre 1 mil e 1,2 mil horas, organizadas nos eixos de informação e comunicação.

Tags: Ciência e Tecnologia Educação IMD UFRN
A+ A-