Governadora apoia ampliação do curso de Medicina e assegura emenda para a UERN

Rosalba afirmou que vai procurar os Ministros da Educação e da Saúde em busca de parceria para melhorar a infraestrutura da Faculdade de Ciências da Saúde, da UERN.

Gerlane Lima,

medicina_mA governadora Rosalba Ciarlini assumiu o compromisso com o futuro Reitor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), professor Pedro Fernandes, de trabalhar junto ao governo federal para a oferta de mais uma turma de Medicina na instituição. Rosalba afirmou que vai procurar os Ministros da Educação, Aloísio Mercadante, e da Saúde, Alexandre Padilha, em busca de parceria para melhorar a infraestrutura da Faculdade de Ciências da Saúde, da UERN.

Como a interiorização do curso de Medicina é uma das metas do governo federal para suprir a falta de médicos nos municípios brasileiros, a governadora disse acreditar que a UERN receberá atenção especial. Assim, somado ao apoio do governo do Estado, a universidade poderá ofertar 60 vagas previstas. "A UERN se enquadra perfeitamente nessa proposta de formação de médicos no interior, principalmente, por se tratar de uma universidade pública que tem conceito 5 no curso de Medicina", ressalta a Governadora.

Rosalba demonstrou interesse na proposta do reitor Pedro Fernandes em transformar o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM) em um Hospital/Ensino para os alunos dos cursos da área de saúde da instituição. "Vamos buscar as condições para que o Hospital Tarcísio Maia seja sim, um Hospital/Ensino", afirmou.

Além do empenho para a ampliação das vagas de Medicina, Rosalba Ciarlini assegurou uma emenda do governo ao Orçamento Geral da União (OGU) 2014. Será a segunda vez que isso ocorrerá. No OGU de 2013, a governadora também escolheu a UERN para ser contemplada com uma emenda de R$ 40 milhões, dentro da cota do governo do Estado.

O reitor Pedro Fernandes agradeceu o apoio da governadora, manifestando otimismo com a perspectiva de ter seu início de gestão marcado pela ampliação de Medicina e melhoria em todos os cursos da instituição através dos recursos de emendas do OGU.

Além disso, há expectativa de outras verbas federais que podem vir para investimentos a partir do movimento das universidades estaduais brasileiras que também recebe o apoio da bancada do RN. "Estamos confiantes que a UERN alcançará esses objetivos porque a governadora e nossos parlamentares conduzirão essa luta, em Brasília. Essa manifestação venho recebendo de todos eles", exaltou.

A+ A-