Alcolumbre prorroga validade da MP que flexibiliza ano letivo

Medida Provisória retira quantidade mínima de dias do ano letivo de 2020, devido à pandemia.

Da redação, Agência Brasil,
Arquivo/Agência Brasil
Em razão da situação de emergência de saúde pública, estudantes de todo o País estão sem aulas presenciais.

SELO-CORONA-100O presidente do Congresso Nacional, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) publicou ato no Diário Oficial da União (DOU) que prorroga por 60 dias a validade da Medida Provisória nº 934/2020.

A MP estabelece normas excepcionais sobre o ano letivo da educação básica e do ensino superior em 2020, em razão do enfrentamento da situação de emergência de saúde pública por causa da pandemia de covid-19.

Entre outras decisões, a MP dispensa, em caráter excepcional, a obrigatoriedade de observância ao mínimo de dias de efetivo trabalho escolar previsto na Lei de Diretrizes e bases da Educação.

Desde o dia 16 de maio, a MP tramita com prazo de urgência e aguarda ser votada na Câmara dos Deputados para posterior votação no Senado Federal.

Tags: ano letivo flexibilização Medida Provisória prorrogação Senado Federal
A+ A-