Jaime Calado entrega figurino ao Grupo Parafolclórico Folguedos no Dia da Poesia

São oito pares de figurino que vão ajudar o projeto do Folguedos para mostrar com a dança a mais autêntica cultura de São Gonçalo.

Gerlane Lima,

DSC_8545O Mercado Municipal de São Gonçalo do Amarante foi palco das comemorações pelo Dia da Poesia e reuniu diversos admiradores da cultura local. A parceria da Fundação Cultural Dona Militana com o poeta Lindó Mota lembrou a data com um café da manhã, oferecido aos amantes da poesia e da arte. Quem compareceu ao evento desfrutou de um recital de belas poesias e ouviu boa música.

A Prefeitura Municipal, por meio da Fundação Cultural Dona Militana, aproveitou a ocasião para apresentar o novo figurino do Grupo Parafolclórico Folguedos, entregue simbolicamente, na ocasião, pelo prefeito Jaime Calado e o presidente da Fundação Cultural Dona Militana, Flávio Henrique. São oito pares de figurino que vão ajudar o projeto do Folguedos para mostrar com a dança a mais autêntica cultura de São Gonçalo.

A doação das peças do figurino, criadas por Ivani Machado, foi presenciada pelos integrantes do Folguedos, poetas, artistas, os secretários Paulo Emídio (Habitação), Magnus Kebyo (Serviços Urbanos), Mada Maia Calado (Extraordinária), Ledson França (Comunicação), Leonardo Medeiros (Agricultura) e Klênio Alves (Desenvolvimento), além de servidores, imprensa local e os vereadores Adelson Martins, Eraldo Paiva, Edmilson Gomes e Chanxe Dantas.

Flávio Henrique, responsável pela pasta de cultura, agradeceu o incentivo. “Quero deixar aqui o meu agradecimento ao prefeito que desde seu primeiro mandato vem contribuindo para que cultura não seja esquecida e sempre seja incentivada. É muito importante esse gesto para que nossa cultura e identidade não morram. Estamos vendo vários jovens se interessando em continuar o trabalho que os nossos antepassados vinha realizando. É muito gratificante e honroso. Todos estão de parabéns e que continuem levando a nossa cultura a todos os lugares por ai” finalizou.

O prefeito Jaime Calado afirmou que a cultura sãogonçalense é rica e precisa ser preservada. “Hoje é o dia da poesia. É sempre bom registrar e reconhecer a importância dos poetas e compositores. Quero ainda parabenizar esse grupo que vem se renovando. É sangue novo para a cultura que é muito rica. Gostei muito da ideia do projeto de abranger todas as outras formas das nossas tradições. Precisamos incentivar e cuidar cada vez mais para que nossa identidade seja mantida e cresça assim como o desenvolvimento do município” afirmou.


A+ A-