Rogério Marinho diz que novo Minha Casa Minha Vida deve ser anunciado em 15 dias

Ministro do Desenvolvimento Regional disse que novo programa pretende diminuir juro habitacional.

Da redação,
Reprodução/Facebook
Em live com presidente Jair Bolsonaro, o ministro Rogério Marinho destacou investimentos em habitação.

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, afirmou que nos próximos 15 dias o governo deve anunciar a reformulação do programa habitacional Minha Casa, Minha Vida. O anúncio foi realizado durante uma transmissão do presidente Jair Bolsonaro e do presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães.

De acordo com Rogério Marinho, estão sendo feitas as tratativas finais sobre o projeto, buscando a redução do juro dos financiamentos e da taxa de remuneração paga à Caixa, que é a responsável pela operacionalização do programa.

"A nossa ideia é justamente diminuir o juro habitacional, isso passa pela questão da remuneração do fundo de garantia [FGTS], já que está havendo uma diminuição da taxa Selic, e essa redução vai permitir que um número grande de famílias tenha acesso ao financiamento da casa própria", comentou.

Rogério Marinho disse que desde o início do ano passado, já foram entregues 500 mil novas moradias populares no país, pelo programa Minha Casa Minha Vida, com investimentos, segundo ele, de R$ 5 bilhões. "Estamos fazendo retomada de empreendimentos praticamente toda semana", disse.

Programa para regularizar escritura de moradias

Ainda de acordo com Marinho, além de menores taxas de juros, o novo programa prevê estímulo à regularização fundiária e um auxílio para que imóveis sejam reformados. Essa etapa seria lançada em parceria com prefeituras. Segundo o ministro, o país tem de 10 milhões a 12 milhões de imóveis sem escritura.

"Temos hoje de 10 a 12 milhões de unidades habitacionais que não têm escritura pública, então vamos lançar um programa que vai apoiar os municípios brasileiros, para que eles possam fazer valer a legislação que já existe, desde o ano 2000, e foi repaginada em 2017, para termos pequenas reformas habitacionais e a legalização fundiária nas cidades brasileiras", anunciou Marinho.

Tags: Desenvolvimento Regional Governo Bolsonaro Rogério Marinho
A+ A-