População reclama de aumento da tarifa às pressas

Apesar de só ter sido anunciado nesta quinta-feira (6), o reajuste para R$1,75 valerá a partir desse sábado (8).

Karla Larissa,
Fotos: Karla Larissa
O aviso de aumento da tarifa dois dias antes de começar a valer não agradou aos usuários de transporte coletivo, que reclamam de terem sido pegos de surpresa. Apesar de vir sendo debatido há alguns meses a nova tarifa de R$1,75 só foi informada nesta quinta-feira (6) e já passará a valer neste sábado (8).

Os 10 centavos a mais na tarifa irão custar às empresas de transporte coletivo o cumprimento de 10 exigências, estabelecidas a partir de um Termo de Ajustamento de Conduta entre empresários e Secretaria de Transporte e Trânsito (STTU), mediada pelo Ministério Público, passíveis de multa em caso de descumprimento.

Entre as medidas necessárias a ser tomadas, a aquisição de 372 veículos, no prazo de 36 meses; implantação do serviço porta-a-porta, para a qual as empresas deverão adquirir em dois anos 20 microônibus que irão pegar os portadores de deficiência física em casa, mediante pré-agendamento; e o serviço noturno será ampliado das 0h às 5h.

As empresas também ficam responsáveis pela operacionalização das estações de transferência, inclusive pessoal e manutenção; e se comprometem em participar dos Programas de Monitoramento e de Melhorias da Qualidade e Produtividade, além de ampliar as linhas para áreas de atendimento deficiente.

No termo, está prevista a revisão dos índices das tarifas para os próximos 10 anos, para evitar que os usuários sejam pegos despreparados como dessa vez. Em 2008, será 7 de junho e, em 2009, será em 6 de junho.

Valor da Tarifa
Em coletiva na tarde desta quinta-feira (6), a titular da STTU, Elequicina Santos, esclareceu com base em que cálculo foi definido a nova tarifa, já que antes a secretaria havia sugerido o valor de R$1,68 e os empresários, R$ 1,93. 

De acordo com a secretária, houve uma mudança na metodologia, que deixou de considerar apenas a frota efetiva para levar em conta a frota total. Mas os valores apresentados pela STTU foram mantidos. “Provamos por A mais B que os nossos índices estavam corretos”, esclareceu.
Opinião do usuário 





A estudante Cláudia Oliveira se mostrou surpresa, ao ser informada pelo Nominuto.com de que haveria reajuste de tarifa neste sábado (8). “Não sabia que ia aumentar, mas fazer o quê? Vou ter que pagar, gostaria mesmo era que não houvesse aumento”, comentou. 










Iraneide Sales, servente hospitalar, lembrou que muita gente será pega desprevenida. “Fui pega de surpresa, acho que deveríamos ser avisados. Muita gente vai pegar ônibus no sábado sem saber e quem tiver com a passagem contada vai fazer o quê?”, indagou. 











A dona de casa Maria das Graças Silva estranhou a informação ainda não ter sido veiculadas no jornal. “Não falaram nada que ia aumentar e agora é assim, muito rápido”, reclama.
A+ A-