Marisa Almeida anuncia pré-candidatura à presidência da OAB

Advogada teve o nome escolhido pelo movimento "OAB Que Queremos".

Da redação,
Divulgação
Advogada Marisa Almeida foi vice-presidente da seccional do Rio Grande do Norte no triênio 2016-2018.

A advogada Marisa Almeida anunciou na tarde dessa quarta-feira (4) sua pré-candidatura à presidente da OAB do Rio Grande do Norte, como representante do movimento "OAB Que Queremos". A divulgação foi feita em entrevista ao programa de rádio CBN com Elas, apresentado pelas jornalistas Suzy Noronha, Sylvia Serejo e Suzana Schott.

“Essa candidatura surgiu muito naturalmente. Sempre estive próxima, participando de várias lutas e ouvindo os problemas e desafios dos colegas de todo o estado, para captar o momento em que a advocacia potiguar passa como um todo. A partir daí, coloquei meu nome à disposição. Ainda estamos em um período de pré-candidatura, mas estou muito feliz com a receptividade e tenho certeza teremos êxito nessa caminhada”, disse Marisa.

Temas como a ausência da OAB na digitalização da justiça e durante o período de pandemia, também foram debatidos no programa.

“O que os advogados nos falam é que a OAB precisava ter sido mais presente em alguns debates e levantado alguns questionamentos dentro da própria classe, como a digitalização da justiça. Debater esse, que é um dos grandes momentos de transformação da advocacia, era um dos grandes anseios dos colegas. A gente tinha ainda uma Escola Superior de Advocacia atuante em outras gestões mas que, durante a pandemia, não ofereceu um debate ou curso de atualização aos advogados. Esse período de reclusão social poderia ter suscitado novos desafios dentro da instituição. Basta analisar a realidade de OABs vizinhas, como as da Paraíba, Ceará e Pernambuco. A OAB Potiguar precisava ter sido mais presente”, enfatiza a advogada.

Durante a entrevista, Marisa falou ainda sobre a experiência enquanto vice-presidente da Instituição no triênio 2016-2018 e sobre a importância de atualizar o discurso da OAB.

“Gosto muito de pontuar que a OAB a precisa ser plural. Antigamente, existia o discurso de interiorizar a instituição. Com a justiça 100% digital, ele se tornou atrasado. Hoje você pode estar em Natal e fazer uma audiência em Mossoró. Precisamos pensar na advocacia potiguar como um todo, até como forma de dar igualdade e de pensar a instituição como algo forte”, conclui.

OAB que queremos

O movimento OAB Que Queremos é formado por advogadas e advogados de oposição à atual gestão da Seccional Potiguar e tem como o intuito construir uma OAB capaz de atender às expectativas contemporâneas da advocacia potiguar, com objetivo de prestar serviço de excelência à classe, desde a inovação, até a defesa intransigente das prerrogativas, além de recuperar a legitimidade de representar a sociedade civil.

Tags: Marisa Almeida pré-candidatura presidência da OAB RN
A+ A-