Itep identifica paciente desconhecida no Hospital Walfredo Gurgel

Ela foi vítima de um atropelamento na Avenida Mor Gouveia, em Cidade da Esperança.

Da redação, Itep,
Diego Hervani
Vítima foi identificada como Amanda Moura de Oliveira, de 21 anos; ela está internada no Hospital Walfredo Gurgel.

O trabalho desenvolvido pelo Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) conseguiu identificar uma jovem de 21 anos, que está internada no Hospital Walfredo Gurgel desde quarta-feira (20), sem portar nenhum documento e inconsciente, após ser vítima de um atropelamento na Avenida Mor Gouveia, em Cidade da Esperança. 

Após uma equipe do Setor de Papiloscopia, Conferência e Análise do Instituto de Identificação (II) ir até o hospital e fazer a coleta das digitais, os profissionais do Itep pegaram esse material e colocaram no sistema informatizado que o órgão possui e que conta com as digitais de mais de 4 milhões de pessoas.

Como resultado dessa iniciativa, a vítima foi identificada como Amanda Moura de Oliveira, de 21 anos. O pai dela é Francisco dos Santos Oliveira e a mãe Simone Maria de Moura.

“Isso mostra a relevância social do serviço do Itep. O Itep tem feito investimentos na identificação humana. Hoje utilizamos todos os tipos de identificação de pessoas, desde a papiloscopia até o DNA”, destacou Marcos Brandão, diretor do Itep.

Quem conhecer Amanda pode entrar em contato com o Serviço Social do Hospital Walfredo Gurgel, através dos telefones 3232-7505/7533.

Tags: Amanda Moura de Oliveira Hospital Monsenhor Walfredo gurgel paciente identificada
A+ A-