Moro afirma que PF ‘de hoje não é a mesma da Lava Jato’

Ex-juiz deixou o cargo de ministro da Justiça acusando o presidente Jair Bolsonaro de interferir na Polícia Federal – um inquérito foi aberto no Supremo Tribunal Federal.

Da redação, Estadão Conteúdo ,
Agência Brasil
A declaração do ex-juiz Sérgio Moro foi dada em uma palestra com tom de campanha durante lançamento do livro Contra o Sistema de Corrupção.

 Pré-candidato à Presidência pelo Podemos, ex-juiz Sérgio Moro afirmou na noite desta quinta-feira, 2, em Curitiba, que a “Polícia Federal de hoje não é mais a mesma da Lava Jato”. A declaração foi dada em uma palestra com tom de campanha durante lançamento do livro Contra o Sistema de Corrupção. A plateia aplaudia o ex-juiz a cada frase de efeito. “Vamos trazer a Lava Jato de volta”.

Moro deixou o cargo de ministro da Justiça acusando o presidente Jair Bolsonaro de interferir na Polícia Federal – um inquérito foi aberto no Supremo Tribunal Federal a partir das declarações do ex-ministro.

Os três senadores do Podemos (Flavio Arns, Alvaro Dias e Oriovisto Guimarães) compareceram ao evento, além do ex-procurador Deltan Dallagnol, que também deve se filiar ao partido para disputar uma vaga na Câmara dos Deputados.

Do lado de fora, um grupo de apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) gritava palavras de ordem a favor do ex-presidente.

Tags: Moro Polícia Federal Sérgio Moro
A+ A-