Defesa intensifica buscas por indigenista e jornalista desaparecidos

Buscas se concentram na região do Vale do Javari. Equipes da Marinha e do Exército estão mobilizadas.

Da redação, Agência Brasil,
© Ministério da Defesa
Marinha enviou ao local uma equipe de Busca e Salvament da Capitania Fluvial de Tabatinga e militares percorreram os rios Javari, Itaquaí e Ituí.

O Ministério da Defesa soltou uma nota na noite de ontem (7) informando que as Forças Armadas intensificaram as buscas pelo indigenista e servidor da Fundação Nacional do Índio (Funai), Bruno Araújo Pereira, e pelo jornalista inglês Dom Philips, na região do Vale do Javari, em Atalaia do Norte, no Amazonas. 

Segundo a nota, na segunda-feira (6) a Marinha enviou ao local uma equipe de Busca e Salvamento (SAR) da Capitania Fluvial de Tabatinga e militares percorreram os rios Javari, Itaquaí e Ituí, no interior do estado do Amazonas, com uma lancha. Nesta terça-feira, além destas equipes, foram utilizados na busca um helicóptero, embarcações e uma moto aquática.

O ministério informou que desde ontem, o Exército utiliza nas buscas cerca de 150 militares especialistas em operações em ambiente de selva, que conhecem o terreno onde se desenvolvem as buscas.  "Além disso, a Força Terrestre apoiará a Polícia Federal com o emprego de um helicóptero, agregando mobilidade às ações interagências", diz a nota.

Tags: Amazônia Desaparecimento Jornalista Marinha do Brasil
A+ A-