Unity Warriors estreia espetáculo de dança “MANOfestAÇÃO” e celebra a cultura hip-hop

Heldon Simões,

Em projeto contemplado na Lei Aldir Blanc, grupo periférico de São Paulo que já representou o Brasil em grandes eventos de dança em Cannes, Paris e outros lugares da Europa, exalta a importância da cultura hip-hop como espaço de mobilização e transformação social. 

Nos dias 16 e 18 de abril de 2021 (sexta-feira e domingo), a Unity Warriors - grupo que tem como fundador o bailarino Igor Souza - inicia a temporada de estreia de “MANOfestAÇÃO”, espetáculo de dança inspirado nas festas de rua que deram origem à cultura hip-hop, onde jovens encontravam na dança um refúgio e um espaço de protesto.

As apresentações fazem parte do projeto contemplado na 1ª Edição do Prêmio Aldir Blanc e serão transmitidas gratuitamente através do Facebook da Ocupação Artística Canhoba (
www.facebook.com/ocupacaoartisticacanhoba) no dia 16, às 21h00, e da Ocupação Casa Hip-Hop Perus (https://www.facebook.com/casadohiphopperus) no dia 18, às 20h30.

Em “MANOfestAÇÃO” que tem como base de pesquisa o breaking, propõe importantes reflexões sobre a desigualdade social e o racismo estrutural através da dança. A programação contará ainda com quatro cursos gratuitos de formação continuada em danças urbanas, destinados a crianças e jovens de projetos sociais na periferia da cidade de São Paulo. As ações serão executadas nos próximos meses, tão logo as restrições impostas pela pandemia forem flexibilizadas.

A+ A-