Cine Drive-In Natal Traz Experiência de Um Cinema Com Alta Tecnologia e Nostalgia

Heldon Simões,

Houve um verão nos anos 40 quando se podia ver filmes ao ar livre. Mas na Base Aérea de Parnamirim era off-limits, exclusivo aos oficiais graduados e convidados ilustres. Nos anos 70, os natalenses sentiram um gostinho do cinema no “carango” e serviço de bar com o Hippie Drive-In, que durou poucos anos.

A experiência divertida e nostálgica, somente conhecida através dos filmes de época e das séries retrôs, encontrou no momento de pandemia do novo Corona vírus uma forma de viajar no tempo. É com este sentimento que nasce o projeto CINE DRIVE IN NATAL, o primeiro cinema em formato drive-in a ocupar o espaço do Arena das Dunas.

Idealizado pelas produtoras Haylene Dantas (HD Produções) e Keila Sena (Casa de Produção), ambas com experiência em produção e projetos de cinema em Natal, o Cine Drive In Natal vai oferecer entretenimento de qualidade de forma segura, agradável e única, abarcando todos os públicos para vivenciarem juntos uma grande experiência de cinema com emoção. O modelo já vem sendo utilizado em outras cidades inclusive por redes de cinema, como o Cine drive In Paulínia-SP, e o Cine Brasília, o mais antigo do País.  Em Natal o projeto conta com incentivo do Governo do RN, através da Lei Câmara Cascudo, e patrocínio da Cabo Telecom, e incentivo da Prefeitura Municipal de Natal, através da Lei Djalma Maranhão, e patrocínio da Unimed Natal.

Durante o mês de outubro serão realizadas quatro edições no estacionamento do Arena das Dunas, com exibição de cinco filmes por noite, divididas em quatro sessões. A cada sábado do mês será montada uma grande estrutura de exibição ao ar livre com uma tela de 12m de largura x 7m de altura e um equipamento de projeção e radiotransmissão de alta qualidade para que seja possível atender a demanda de até 200 carros por sessão.

O público poderá acompanhar o áudio pelo rádio e alguns filmes vão dispor de aplicativo de acessibilidade para cegos ou surdos, integrando todos sem a necessidade de separação de publico.

CINEMÃO A CÉU ABERTO

Serão exibidos seis filmes por edição, sendo três longas nacionais ou internacionais e três filmes potiguares. A cada sábado serão 4 sessões, sendo a primeira a Sessão infantil (classificação indicativa: livre), às 17h. Na sequência (20h) a sessão Clássicos do Cinema (Classificação indicativa: livre ou 14 anos). A terceira e quarta sessões reúnem curtas metragens produzidos no Rio Grande do Norte e filmes contemporâneos, os chamados filmes de festivais.

Entre as sessões um DJ vai agitar o ambiente discotecando músicas potiguares e de trilhas cinematográficas. É também neste momento que se dará a logística de entrada e saída de carros.

A+ A-