4º Festival da Ginga promete movimentar segmento gastronômico

Heldon Simões,

Com o objetivo de incrementar a economia e valorizar uma das principais iguarias da culinária potiguar, fortalecendo ainda mais a gastronomia e o turismo na zona Norte, a Prefeitura de Natal, por meio da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), promove no próximo dia 15 de fevereiro, a partir de 9 horas, o 4º Festival da Ginga, na Praça do Pescador, no bairro da Redinha. A ginga é um peixe de pequeno porte, frito no azeite de dendê e servido tradicionalmente com tapioca. 

Ao todo, 16 comerciantes do Mercado da Redinha e de restaurantes da praia participarão do concurso gastronômico tendo a ginga como a base dos pratos. A cada edição, a variedade dos pratos aumenta. Tanto é assim que em 2019 o prato vencedor foi a Moqueca de Ginga com Camarão.  Os comerciantes da área já submeteram ao concurso iguarias como coxinha, cuscuz, panqueca e pastel de ginga. 

Cinco jurados do segmento gastronômico natalense avaliarão os pratos e premiarão os três primeiros colocados. O primeiro lugar será agraciado com um fogão quatro bocas, ofertado pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL/Natal), o troféu Ginga de Ouro e um certificado de participação. O segundo e o terceiro colocado também receberão prêmios, mais os troféus e certificados. 

O público também será brindado com várias atividades esportivas e de lazer. Nara Costa, Debinha Ramos e Banda do Suvaco serão as atrações musicais que irão animar o público durante o Festival da Ginga. 

A+ A-